Cadastre-se e ganhe 10% OFF na primeira compra!

Como ajudar seu cachorro a ser mais obediente

Se todo cachorro é uma criança eterna também é de se esperar que aconteçam algumas travessuras de vez em quando, principalmente quando eles ainda são muito jovens e não aprenderam as regras da casa, não é mesmo?

Acontece que os pets chegam à vida adulta muito rápido e quando a socialização é deixada para depois corremos um grande risco do cachorro ser mais desobediente e dar trabalho redobrado para aprender tudo aquilo que deveria ter sido ensinado antes.

Cachorro-obediencia-Petlove

A boa notícia é que os pets são capazes de aprender em qualquer idade, então mesmo que você tenha adotado um cão adulto ou mais velhinho, basta ter dedicação, paciência e seguir algumas dicas para que ele deixe de ter alguns hábitos ruins. Veja só o que não pode faltar!

Recompensa é tudo

Cachorros e gatos vão passar a obedecer muitas regras da casa se forem recompensados. Aprender a fazer xixi no tapetinho, por exemplo, pode ser visto como uma tarefa aprendida na base do: “tá, mas eu ganho o que com isso”?

Por isso, ao ensinar qualquer coisa para o seu cachorro tenha sempre um prêmio para recompensá-lo. Pode ser um petisco, um brinquedo, elogio, carinho etc., o importante é demonstrar que aquele comportamento te deixou feliz e que se ele repetir outros prêmios virão (e terão que vir mesmo até que a novidade se torne um hábito).

Atenção à frequência

Alguns cães não toleram muito bem longas sessões de treinamento e logo ficam impacientes e perdem o foco no aprendizado, mesmo que haja recompensa. Se estiver ensinando o truque de pegar a bolinha, por exemplo, não precisa ficar uma manhã toda num “intensivão” com o seu pet, isso só vai estressar o bichinho. 

Sessões curtas, porém periódicas, tendem a surtir melhor efeito, portanto reserve meia hora dos seus dias para brincar de bolinha com o seu cachorro e recompensá-lo toda vez que ele trouxer o objeto até você.

Atenção! O prêmio não precisa ser sempre um petisco, lembre-se que o sobrepeso e a obesidade representam um risco enorme para a saúde dos pets, então explore outras formas de agrado como o carinho e a “mini festa”. Garanto que a eficácia não será comprometida.

Combine com a família

Sabe aquela história do parente que “estraga a criança”? Pois bem, este é um risco que corremos com os pets também. Todo o seu esforço de ensinar o cachorro a fazer as necessidades em um único lugar pode ir água abaixo se a família não te ajudar nesta missão.

Basta que alguém ofereça algum carinho ao pet logo após ele ter feito xixi no lugar incorreto e pronto, um passo na direção contrária ao aprendizado poderá ter sido dado e talvez leve mais tempo para que o cachorro entenda onde fica o “banheiro”.

É muito importante que todo mundo da casa esteja alinhado sobre as lições que estão sendo dadas ao pet. Claro, nem todo mundo é obrigado a ensinar, mas só de não atrapalhar já ajuda bastante, né? 😂

Contribuição profissional

E por falar em ajuda, tem muita gente que estudou o comportamento dos caninos e pode ajudar – e muito – a tornar o seu cão mais obediente.

Converse com o seu médico veterinário, afinal, mesmo que ele não entenda tanto de comportamento, provavelmente poderá te dar uma boa indicação. Muito cuidado para não acreditar nas fake news que rolam na internet ou até mesmo naquelas recebidas de amigos.

Descarte de imediato qualquer método que for baseado em punição. Definitivamente, os pets só ficam obedientes e felizes em uma relação construída com muito amor e carinho ❤️. 

Compartilhe esta matéria!

Sobre o autor

Anderson Mafra

Jornalista apaixonado por animais, comunicação, música e que não perde um concurso cultural (na verdade já perdeu vários). Curioso de mão cheia, quer saber sempre mais e compartilhar conteúdo, dicas e curiosidades do mundo pet. É um petlover assumido, sem chance de reabilitação.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.