Dicas para cortar a unha do seu gato sem estresse

Há quem ignore a necessidade de cortar as unhas do gato, imaginando que o ato de arranhar já seja suficiente para manter as garras do bichinho devidamente aparadas, mas a realidade é bem diferente.

Cortar a unha do seu gato sem estresse

Isso porque quando o pet desliza suas unhas em um piso áspero ele apenas está afiando suas garras e não as diminuindo efetivamente de tamanho. Unhas afiadas causam danos bem maiores do que quando cortadas, e se você tem um gato mais arisco em casa sabe o quanto é dolorido uma raspada da “lâmina” pontuda do felino.

Manter aparada as unhas de gatos que vivem em ambiente doméstico é bom para o animal, que ficará mais confortável para se locomover e também não se machucará quando for se coçar, e para você, que verá sua pele e seus móveis sofrendo menos com possíveis arranhões.

Confira algumas dicas de como realizar o procedimento com tranquilidade.

Peça ajuda

Se você está inseguro ou tem em casa um felino muito desconfiado e inquieto, melhor não forçar a barra e acabar machucando o bichinho. Peça ajuda a um médico veterinário ou de profissionais que trabalham com banho e tosa para cumprir a missão.

Aproveite a oportunidade para observar como eles aparam as unhas e tirar suas dúvidas. Quem sabe na próxima vez você fica mais confiante pra dar conta do recado?

Escolha o cortador adequado

Se for fazer por conta própria, nada de improvisar e recorrer aquele cortador de unha que fica encostado no banheiro, além da anatomia da unha do gato ser bem diferente da nossa, você estará colocando a saúde do animal em risco.

Providencie um cortador de unha específico para o seu pet, que seja adequado ao o tamanho dele. Esses cortadores possuem cabo emborrachado que dão mais firmeza no manuseio e garantem mais segurança durante o corte. 

Veja alguém fazendo

Principalmente se for sua primeira vez, é importante pegar algumas dicas antes (aqui estão elas 🤗) e assistir alguém com prática no assunto, antes de começar a usar o cortador. 

Na internet há diversos vídeos que ensinam como cortar a unha dos bichanos e o cuidado que se deve tomar para aparar somente as pontas, já que perto da base há uma área sensível irrigada por vasos sanguíneos. 

Não tenha pressa

Quanto mais discreto você for, maiores serão as chances do seu gato colaborar. Espere um momento em que ele esteja mais relaxado e não tenha pressa. Usar de força pode ser terrível neste momento, pois além de machucar seu pet, pode colocar em risco a relação de confiança que existe entre vocês.

Comece uma brincadeira ou carinho, manipulando as patas do bichinho. Enquanto acaricia as patas, manipule delicadamente os dedos, pressionando levemente as almofadas das patas (coxins) para expor suas garras. Seja paciente, pois o trabalho que você terá agora facilitará o corte no futuro.

Recompense o bichinho

Se seu gato se comportou bem, ao final do processo recompense-o com seu petisco favorito e bastante carinho. Assim começará a associar que o trabalho de “manicure” é algo prazeroso e, das próximas vezes, se o bichano mostrar as garras pra você, será só uma maneira de facilitar o corte! 

Sobre o autor

Anderson Mafra

Anderson Mafra

Jornalista apaixonado por animais, comunicação, música e não perde um concurso cultural (na verdade já perdeu vários). Curioso de mão cheia, quer saber sempre mais e compartilhar conteúdo, dicas e curiosidades do mundo pet. É um petlover assumido, sem chance de reabilitação.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.