Por que os gatos chutam nossas mãos?

Eu sei que tem um monte de pai e mãe de gato que fica frustrado quando está fazendo um monte de carinhos no pet e na hora de fazer cócegas na barriguinha dele, o bichano começa a “chutar” a mão que só tinha intenção de agradar.

Entendo que fica aquela sensação de “cortou o barato”, mas eu preciso fazer a defesa dos gatos, afinal, os felinos domésticos não afastam nossas mãos ou mostram seus dentes afiados à toa, na verdade eles estão agindo instintivamente e zelando pelo seu próprio bem-estar.

Gato-empurrando-Petlove

A região da barriga é vulnerável

Se olharmos friamente a situação, na verdade você será responsável por acabar com o clima super agradável de carinho. Como assim? É que a satisfação do gato costuma terminar quando ele sente que está em uma situação de vulnerabilidade.

Isso porque muitos dos órgãos vitais do gato estão agrupados na região da barriga, que não conta com uma boa proteção. Portanto, mesmo que o toque na pancinha seja para fazer um cafuné, instintivamente é ligado um sinal de alerta no pet que prefere “chutar” as mãos ou sair de cena para que nenhum mal lhe aconteça.

Os gatos que aceitam carinhos na barriga são exceções e não deixam dúvidas de que confiam demais nos seus humanos, ao ponto de “literalmente entregarem suas vidas nas mãos dessas pessoas”.

Mas se esse não for o seu caso, não fique triste. Lembre-se de que cada gato é um gato e que há muitas outras formas de demonstrar amor e carinho! O importante é cada um curtir sem precisar se preocupar com nada 😻. 

Compartilhe esta matéria!

Sobre o autor

Anderson Mafra

Jornalista apaixonado por animais, comunicação, música e que não perde um concurso cultural (na verdade já perdeu vários). Curioso de mão cheia, quer saber sempre mais e compartilhar conteúdo, dicas e curiosidades do mundo pet. É um petlover assumido, sem chance de reabilitação.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.