Quais frutas são proibidas para os cães?

Que dono de cachorro nunca passou pela experiência de ser admirado enquanto come uma fruta geladinha? Tenho certeza que um número bem pequeno. Mas, nesse momento, sempre bate a dúvida: quais frutas são proibidas para os cães?

As frutas são alimentos muito saudáveis para nós e também para os nossos cães. Porém, considerando que eles não são muito seletivos enquanto se alimentam, podem ingerir alguma semente ou casca que pode afetar a saúde.

Também é muito importante consultar um veterinário antes de acrescentar qualquer alimento na rotina do seu animal de estimação, porque, assim como nós, pode haver alguma alergia ou indigestão, ligadas a problemas de saúde pontuais.

Quais frutas são proibidas para os cães

Frutas proibidas

– Laranja: conhecida por ser uma fonte incrível de vitamina C e consumida pelos humanos sem nenhum problema, pode piorar o quadro de gastrite do seu animal, principalmente por ser um problema de saúde que poucos tutores conseguem identificar.

A casca também pode acabar machucando a boca, causando ferimentos parecidos com leves queimaduras.

– Abacaxi: enfrenta o mesmo problema em relação à casca. Mas, nesse caso, pela superfície possuir várias “pontinhas”, podem machucar muito todo o caminho que percorrer dentro do corpo. Quanto à acidez, pode iniciar o mesmo quadro de problemas estomacais.

– Uva: não pode ser oferecida porque podem causar graves problemas renais, levando, inclusive, o cão ao óbito, como já foram registrados alguns casos. Considere, também, a uva passa como um dos alimentos que devem ser mantidos bem longe!

– Abacate: além de trazer problemas para o sistema gastrointestinal, possui uma substância tóxica, chamada Persina, que pode causar vomito e diarreia.

Frutas proibidas para os cães

– Carambola: é um grande problema para todos os animais que possuem algum tipo de problema renal, pois contém uma toxina natural que, nesses casos, não conseguem filtrar.

– Cereja: essa fruta tão pequena e, aparentemente inofensiva, contém cianeto em seu caroço e casca, que podem causa falência respiratória e, consequentemente, a morte do animal, porque prejudica o transporte de oxigênio pelas celular sanguíneas.

Coco: por conter triglicérides, pode causar inchaço, desconforto, dor de estômago e diarreia.

– Damasco: assim como a cereja, possuem polpas seguras para o consumo animal. Mas as hastes, sementes e folhas possuem muito cianeto, podendo causar grandes problemas respiratórios e levar ao óbito.

Frutas proibidas para os cães 2

– Figo: além de reações alérgicas, podem causar vômito e diarreia caso a árvore ou planta seja ingerida. Processos inflamatórios na pele também são reações comuns.

– Groselha: possuem o mesmo potencial tóxico que as uvas e uvas passas. Por isso, não devem ser oferecidas de maneira alguma!

Sementes perigosas

– Sementes de maça: a fruta em si é ótima para dividir com seu melhor amigo! Mas fique atento às sementes, que contém cianeto.

Agora que você já sabe quais as frutas que não devem passar nem perto do seu cão, que tal consultar um veterinário para acrescentar esses quitutes naturais no dia a dia? 😉

 

 

Sobre o autor

Larissa Calabria

Larissa Calabria

Apaixonada por animais desde criança, tem atualmente dois anjinhos de quatro patas: Wendy e Hermione, cachorrinhas bem geniosas, apesar da idade avançada! Ao longo da vida, foi descobrindo mais uma paixão: escrever! E pretende unir seus grandes amores para passar dicas importantes para todos que também amam o mundo animal.

2 Comentários

Deixe um comentário