Ração Magnus filhote é boa?

Se você está em busca de um bom alimento para o seu cachorro filhote, deixa eu te contar um pouco mais sobre a ração Magnus filhote, ou melhor, as rações…

Sim, o Grupo Adimax, responsável pela produção dos alimentos da linha Magnus, oferece diversas opções para os cachorros que estão no estágio inicial da vida e precisam contar com uma alimentação balanceada para se desenvolverem plenamente.

Ah, não esqueça que quando o assunto é nutrição animal, o médico veterinário ou o zootecnista precisam te ajudar a descobrir as melhores opções para o seu peludinho, ok? Então, não deixe de conversar com um profissional antes de bater o martelo.

Ração Magnus filhote é boa?

Sim! Estamos falando de uma marca reconhecida no mercado e que ao longo dos anos vem se tornando cada vez mais popular. Prezando por alimentos que sejam saborosos ao paladar dos pets, a Magnus aposta na combinação certeira de ingredientes para oferecer uma refeição balanceada e completa.

As rações Magnus Premium para filhotes sabor carne e vegetais têm fórmulas parecidas e contam com o poderoso “bio complex”, uma seleção de ingredientes que ajudam a proteger e nutrir os cães filhotes. Dá só uma olhada nos principais destaques desta seleção: Ômegas 3 e 6, prebióticos, fibras, extrato de yucca, vitamina E e antioxidantes! 

Ambas as opções são encontradas em embalagens de 10.1 Kg ou 25 Kg e são indicadas para filhotes de todas as raças e portes.

Ração Magnus filhote Supreme e Super Premium

Os pais e mães de pets que não abrem mão de dar ao peludinho o que de melhor a marca tem a oferecer, não podem deixar de conferir as vantagens da ração Magnus Super Premium frango e arroz e da ração Magnus Supreme frango e cereais.

Elas contam com proteínas de alta qualidade – essenciais, por exemplo, para desenvolvimento muscular dos cães -, o desejado bio complex, e também conseguem proporcionar uma melhor absorção dos nutrientes pelo organismo, graças à apurada seleção de ingredientes. A Magnus Super Premium ainda conta com condroitina e glucosamina em sua fórmula, que ajudam a proteger os ossos e as articulações dos pets.

Não deixe de oferecer um alimento que seja específico para a fase de vida do seu filho de quatro patas, esse é o melhor caminho para que ele fique sempre bem alimentado, forte e prevenido contra uma série de doenças.

Marque uma consulta com o médico veterinário e converse a respeito da alimentação do seu peludinho. Lembre-se que a partir dos dois meses de vida, o cachorro filhote já não vai contar com o leite da mãe e precisa ter à disposição um bom alimento para se manter nutrido.

Compartilhe esta matéria!

Sobre o autor

Anderson Mafra

Jornalista apaixonado por animais, comunicação, música e que não perde um concurso cultural (na verdade já perdeu vários). Curioso de mão cheia, quer saber sempre mais e compartilhar conteúdo, dicas e curiosidades do mundo pet. É um petlover assumido, sem chance de reabilitação.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.