Areia sanitária para gatos

Areia Sanitária para Gatos Silica Gel – 1,8kg – melhor custo beneficio para manejo de gatos

Muitos clientes do PetLove me perguntam diante da grande quantidade de areias sanitárias, o que existe de mais moderno e efetivo. Fica dificil pra mim (DrPetLove) responder essa pergunta, porem como proprietário de gato que mora dentro de casa, eu ja testei todas as areias (obviamente adquiridas no PetLove…rssss, senão eu perco o emprego!!!) e de todas as que testei a que deu melhor resultado foram as silicas. Atualmente eu uso a Areia micro granulada de altissima absorção silica gel chalesco e meu gato está muito feliz e fazendo suas necessidades  no local correto, logicamente pra nós de casa fica muito mais facil limpar.

silica gel chalesco areia sanitaria para gatosAreia micro granulada de altíssima absorção e durabilidade, alguns usuários relatam que duram até 30 dias. Mais fácil de manipular, não machuca a pata do felino e fácil de limpar.
Com os exclusivos “crystais indicadores” único no mercado. Cristais indicadores perdem coloração depois de 30 dias – demonstrando que é tempo de trocá-los.
Feitos com matéria-prima natural: areia, oxigênio e água. Sem adição de minerais, químicos ou silicato cristalino, eliminando os riscos para animais e seres humanos.

Modo de Uso:
Coloque o conteúdo do pacote dentro de uma bandeja para gatos até completar 3,5 a 4cm de profundidade. Remova diariamente as evacuações sólidas depois que estas se desidratarem. Misture os cristais com uma pá para prolongar a vida útil do material. Quando todos os cristais perderem a sua cor azul, troque o conteúdo da bandeja. Se já utiliza areia, no primeiro uso dos cristais misture metade da areia com metade de cristais Chalesco.

Modo de Descarte:
Simplesmente esvazie o conteúdo da bandeja em um saco plástico e deposite-o no lixo. Os cristais de sílica Chalesco não prejudicam a natureza.

Precauções:
Grávidas e pessoas com fraco sistema imunológico devem ter atenção e proteger as mãos para manusear a bandeja pois um parasita comumente encontrado nos dejetos dos gatos podem causar toxoplasmose. Lavar as mãos após o manuseio. Mantenha longe do preparo de alimentos e das áreas de alimentação. Se ingerido, beber água em abundância.

Gostou? Curtiu? Divulgue para os seus amigos.

 

Sobre o autor

Dr. Marcio Waldman

Dr. Marcio Waldman

Medico veterinário, diretor e fundador do www.petlove.com.br. Formado em 1988 pela Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da USP e pós graduado em latu sensu em odontologia veterinária, foi secretário geral da Anclivepa SP (associação nacional de clínicos veterinários de pequenos animais) e sócio fundador do Simpavet (sindicato patronal dos médicos veterinários). Atuou como clínico veterinário de pequenos animais de 1988 a 2005 em São Paulo, e em 2005 terminou a atividade na clinica para se dedicar exclusivamente ao Pet Love.

Deixe um comentário