Banco Central cede e usa vira-lata caramelo em propaganda

Depois de tantas manifestações nas redes sociais, o Banco Central não atendeu a pressão popular, mas escolheu o vira-lata caramelo para ser o “cão-propaganda” da nova cédula de R$ 200.

As milhares de campanhas e memes que circularam na web desde o anúncio da produção da nova nota, em julho, fizeram com que o BC ao menos cedesse a utilizar a imagem do cachorro durante as campanhas publicitárias.

Para se ter uma ideia do tamanho da repercussão, houve até uma campanha de dentro do Congresso Nacional, em Brasília, organizada pelo Deputado Federal Fred Costa, para que o cachorro estampasse a cédula de R$ 200. Na ocasião, o parlamentar disse reconhecer a importância do lobo-guará, mas que o vira-lata caramelo representaria o cotidiano dos brasileiros. O objetivo da ação era chamar a atenção das autoridades para os milhares de casos de maus-tratos em todo o País.

No vídeo, um cachorro vira-lata da cor caramelo fala sobre as campanhas feitas para que a foto dele estampasse a notas, mas diz que todos já o conhecem e, por isso, pede que as pessoas tenham o mesmo carinho por seu “primo selvagem”, o lobo-guará, escolhido em uma votação feita em 2001 pelo Banco Central e que está ameaçado de extinção.

Veja o vídeo:

Vale destacar que a nova cédula já está em circulação no Brasil desde a última quarta-feira (02/09), com a imagem do lobo-guará nas cores cinza e sépia. Foram produzidas mais de 450 milhões de unidades, que se juntam às outras seis em utilização no País.

Sobre o autor

Gabriel Arruda

Gabriel Arruda

É estudante de Jornalismo, apaixonado por animais e esportes. Está sempre em busca de novos desafios, justamente pela curiosidade que o toma conta. Pai de um Beagle chamado Johnny, mais conhecido como "o Destruidor".

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.