Cão de Crista Chinês – Principais doenças

O Cão de Crista Chinês não passa despercebido em nenhum lugar, principalmente por não ter pelo em grande parte do seu corpo. Com expectativa de vida de 13 a 14 anos, a raça é bastante saudável, mas assim como qualquer outro cachorro, pode ser acometido por alguns problemas. Você pode conferir a seguir as principais doenças do Cão da Crista Chinês.

Principais doenças do cão de crista chinês

Problemas odontológicos

Uma das principais preocupações com o Cão de Crista Chinês é com sua saúde bucal, já que devido a uma ligação genética que envolve a falta de pelos e o desenvolvimento dos dentes, ele pode ter a dentição direcionada para a frente da boca, causando problemas. Outra condição que afeta essa raça é a perda de dentes por volta dos dois e três anos, exigindo cuidado e atenção por parte dos seus pais humanos. 

Doenças dermatológicas

A falta de pelo na raça pode até ser um charme, mas a longo prazo pode gerar problemas se este pet não for bem cuidado. A exposição solar deve ser feita sempre com cautela, em horários estratégicos e com protetor solar, pois dermatites solares são mais comuns do que pensamos. Outra doença que afeta o Cão de Crista Chinês de forma genética é a dermatite atópica, uma condição onde o pet é alérgico a substâncias presentes no ambiente que são quase impossíveis de eliminar. 

Esse cachorro pode ter a pele mais oleosa do que o normal – já que não há presença de pelos para absorver o óleo produzido. Por conta disso, é preciso conversar com um médico veterinário sobre a possibilidade de aumentar a frequência de banhos na raça e usar produtos especiais. 

Luxação de patela

Uma das principais doenças do Cão de Crista Chinês a luxação de patela. Ele é tão pequeno que seu peso máximo aceito é até 4Kg. O seu tamanho pequeno predispõe a raça a sofrer com a luxação de patela, uma condição locomotora de origem hereditária. A patela é um osso importante que fica na frente dos joelhos do pet, quando esse osso se move de forma anormal, caracteriza um quadro de luxação patelar. 

O quadro pode agravar se o pet sobrecarrega o joelho subindo nos móveis ou praticando atividade física intensa. Para amenizar a gravidade do problema que causa bastante dor e dificuldade de locomoção, é preciso colocar rampas e escadinhas em todos os móveis que o pet costuma subir e principalmente seguir as orientações de um médico veterinário.

Condições oftálmicas

Os problemas oftálmicos costumam afetar os cachorros de forma genética. As principais doenças que acometem os olhos dessa raça são a catarata, glaucoma e atrofia progressiva da retina. Todas elas se não tratadas a tempo, podem levar à cegueira, principalmente a atrofia progressiva da retina que não tem cura. Marcar um check-up anual com um  oftalmologista veterinário para o Cão de Crista Chinês é o ideal para prevenir e diagnosticar essas doenças precocemente.

As doenças citadas aqui são provenientes de estudos e artigos de predisposição de certas doenças em raças. Lembrando que seu Cão de Crista Chinês pode viver uma vida saudável sem ser acometido por nenhuma enfermidade. Entretanto, a informação e conhecimento são importantes e a qualquer sinal de que algo está errado com seu peludo, procure um médico veterinário.

Compartilhe esta matéria!

Sobre o autor

Beatriz Mario

Estudante de Medicina Veterinária, sonho que tenho desde criança, cresci com gatos e hoje sou uma felícia assumida. Tenho dois felinos resgatados: o Frodo e o Bilbo, que são considerados meus filhos de pelo. Meu propósito de vida é ajudar o máximo de pets possíveis e fazer com que eles fiquem mais felizes e saudáveis escrevendo para o blog da Petlove.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.