Coleiras, guias e peitorais

Coleiras, guias e peitorais - o porque destes acessórios - Petlove - O Maior Petshop Online do Brasil

Coleiras, Guias e Peitorais – O Porque Destes Acessórios

O uso de coleiras e guias é muito importante. A coleira, além de identificar o proprietário do animal, oferece garantia extra de segurança, tanto do animal, quanto das pessoas que estiverem nas redondezas do trajeto do passeio. São acessórios úteis, porque ao estar com o animal na coleira e na guia, o dono evita que o mesmo corra sem controle pela rua e cause algum acidente, bem como possa vir a atacar alguma pessoa ou outro animal, eventualmente.

Nas lojas especializadas estão disponíveis uma infinidade de modelos de coleiras, peitorais e guias. Assim, fica a dúvida de Como escolher a mais adequada para o cachorro? Para a escolha do produto ideal, dois fatores devem ser considerados: o porte do animal e o objetivo a ser cumprido. Se o consumidor estiver buscando acessórios para treinamento, existe uma certa diversidade de produtos, como guias longas e curtas, com ou sem amortecedor, coleiras ou peitorais.

As coleiras para cães são elaboradas com diferentes materiais. Podem ser de nylon, metal ou couro, em formato semelhante a um cinto, com um elo para prender a guia. Já os peitorais para cães são de tecido ou couro, consistindo em uma boa opção para animais pequenos. Também existem os enforcadores para cachorro, uma corrente de elos de metal que enforca o pet, quando sai do ritmo de caminhada imposto pelo dono. Entretanto, essa peça pode vir a causar feridas bem dolorosas. Por isso, foram desenvolvidas alternativas, como enforcadores mais seguros, sem pinos e o headcollar, semelhante a um cabresto, ótimo para conduzir animais grandes e fortes, com segurança.

As coleiras e acessórios para gatos possuem formas variadas e também estão disponíveis no mercado. A coleira para gatos é ótima para identificar o animal, bem como seu dono. Mesmo que tal informação pareça irrelevante, o fato é que muitos donos perdem seus pets, justamente pela falta da coleira. Os felinos têm o hábito de passear pelas ruas e vizinhanças, o que pode levar o animal a se machucar, se perder ou até mesmo ser apreendido, como um animal de rua. Com o uso da coleira com identificação, diversos gatos resgatados podem ser devolvidos a seus lares de origem.

Para cuidar do animal corretamente, é fundamental que se faça a aquisição de produtos de qualidade. Não apenas rações de boa procedência, mas também acessórios que são tão essenciais no dia a dia, como as referidas coleira e guias. Caso ainda reste dúvidas sobre o acessório ideal que respeite a fisiologia do bicho de estimação, deve-se fazer uma consulta a um médico veterinário.

Sobre o autor

Bruno Oliveira

2 Comentários

  • Olá!!!
    Gostei muito dessa matéria, tenho um gato que adotei dia 10 de junho que tem 8 meses e uma cachorrinha que tem 9 anos. Sempre utilizei coleira na minha cachorra, todas as vezes que eu ia andar com ela colocava a coleira para a maior segurança dela. Estou dando o mesmo “adestramento” pro meu gato . Vou acostumar ele sempre na coleira na hora em que ele sair de casa para “dar uma voltinha”…..
    Quero comprar um pingente de identificação para ele e junto com o pingente que tenho para a minha cachorra vou mandar colocar o nome deles e o nome e o endereço onde a gente mora. Adorei essa matéria pois assim aprendi mais coisas e curiosidades que não sabia.
    Grata pela compreensão.
    Amanda dos Santos Ogliari.

Deixe um comentário