Fila brasileiro: características e temperamento

O Fila Brasileiro é uma das poucas raças desenvolvidas aqui no País e a primeira a ser reconhecida internacionalmente. Em outras palavras, esse é o primeiro cachorro brasileiro! Acredita-se que a raça seja o resultado do cruzamento entre cães Mastins e o Bloodhound, mais conhecido como Cão de Santo Humberto.

Fila brasileiro: características e temperamento

Características do Fila Brasileiro

O tamanho é o que mais chama a atenção logo de cara. O Fila Brasileiro, ao contrário do que muita gente pensa, não é um cachorro gigante, mas sim de grande porte. As fêmeas podem chegar até os 65 centímetros de comprimento, pesando 40Kg, enquanto os machos 85 centímetros e até 50Kg.

O Fila tem um corpo forte, musculoso e de estrutura quadrada. É um cachorro que impõe respeito por onde passa. E isso se deve à sua criação. Para quem não sabe, o termo “fila” significa apreender ou agarrar. Essa era a sua função antigamente. Esses cachorros eram utilizados para proteger rebanhos, mas também foram muito usados na época da escravidão para buscar escravos foragidos.

A pelagem da raça é curta, densa, macia e assentada na pele, geralmente na cor tigrada, com variedades de tons (menos branco). Filas bicolores, dourados, fulvos, pretos e azuis também são aceitos, mas são menos comuns.

Temperamento do Fila Brasileiro

Definitivamente, o Fila Brasileiro está entre os melhores cães de guarda do Mundo. Ele é vigilante por natureza e defende não apenas a casa com toda a sua destreza, mas também todos os seus humanos. Justamente por isso, esse cachorro costuma ser bastante desconfiado de pessoas estranhas.

No geral, ele é muito apegado à família, obediente e faz de tudo para agradar. O Fila Brasileiro convive bem com crianças e até com outros pets, desde que seja socializado ainda quando filhote. É preciso tomar bastante cuidado durante as brincadeiras, pois alguém pode se machucar, mesmo que não seja a intenção, por causa do seu tamanho – ele é bastante desajeitado!

Pais experientes!

Por ser um cachorro forte, independente e dominante, o Fila Brasileiro não é recomendado para pais de primeira viagem, ou seja, que nunca tiveram qualquer experiência com criação de cães. É importantíssimo que o pai humano seja seguro e firme para desempenhar sua autoridade de forma natural, mas nunca rude ou bruto com o cachorro.

Sobre o autor

Gabriel Arruda

Gabriel Arruda

É Jornalista, apaixonado por pets e esportes. Está sempre em busca de novos desafios, justamente pela curiosidade que o toma conta. Pai de um Beagle chamado Johnny, mais conhecido como "o Destruidor".

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.