Cadastre-se e ganhe 20% OFF na primeira assinatura!

Gatos reconhecem nomes de outros felinos e de seus tutores, revela estudo

Estudos já mostraram que os gatos entendem o próprio nome, mas novas pesquisas afirmam que os felinos conseguem reconhecer mais do que isso. Pesquisadores japoneses descobriram que os bichanos conseguem reconhecer o nome de outros gatos da casa e até de seus tutores. 

De acordo com o estudo feito pela Universidade de Kyoto, no Japão, os gatos entendem os nomes dos felinos de seu convívio, e também são capazes de entender – mas não tão bem – o nome dos humanos da casa. 

A pesquisa foi realizada com 48 gatos, 19 deles viviam em casas com sua família e outros pets e os outros 29 viviam em uma cafeteria. O experimento mostrou aos gatos a foto de um felino de seu convívio e um estranho falando o nome incorreto do animal da foto.

Os felinos que moravam com suas famílias humanas passaram mais tempo olhando as fotos dos gatos que conheciam quando o nome dito era incorreto. Isso representaria que os gatinhos ficaram intrigados com o nome errado e reconhecem que sabem o nome certo do pet exibido.

“Os gatos domésticos prestaram atenção no monitor por mais tempo quando o nome errado foi chamado, indicando um ‘efeito de violação de expectativa’”, contaram os pesquisadores em seu estudo, publicado na revista Scientific Reports

Os pesquisadores realizaram um novo experimento, dessa vez mostrando a foto dos tutores de novos felinos que estavam participando da pesquisa. Nessa nova etapa, os estudiosos relataram que o estudo fornece evidências de que os gatos ligam o nome de um companheiro e o rosto correspondente sem treinamento explícito.

Mas, apesar disso, o que se notou foi que os gatinhos reconheceram com mais facilidade outros gatos do que seus tutores. 

Gato deitado com mulher no sofá

Por que isso acontece?

São vários os fatores responsáveis por influenciar a probabilidade de um gato reconhecer o nome de seus tutores. Dois deles são o tamanho da família e o tempo em que vive com ela. 

Quanto maior for a família e quanto maior for o tempo de vivência com ela, maiores são as chances do gatinho lembrar o nome do tutor. 

“Nossa interpretação é que gatos que vivem com mais pessoas têm mais oportunidades de ouvir nomes sendo usados ​​do que gatos que vivem com menos pessoas, e que viver com uma família por mais tempo aumenta essa experiência”, dizem os pesquisadores. 

Segundo os estudiosos, os gatos reconhecem pelo menos o nome de um gato da casa (além do seu próprio nome) e provavelmente o nome de um membro da família humana

Um dos motivos que podem explicar o porquê o gato lembrar dos nomes é relacionado a concorrência. Por exemplo, o gatinho ganha comida quando seu tutor chama seu nome, mas não ganha quando o nome chamado é o do outro gato da casa. 

O fato dos humanos não competirem com os gatos por comida em casa pode explicar o porquê deles lembrarem bem menos o nome dos humanos em relação aos dos felinos. 

“Esses resultados sugerem que os gatos podem entender quem está falando com quem em situações cotidianas. No entanto, ainda não está claro como os gatos aprenderam a associação do nome com rosto. Um estudo mais aprofundado deve abordar este ponto”, dizem os pesquisadores.

Compartilhe esta matéria!

Sobre o autor

Amanda Fernandes

Estudante de Jornalismo, mãe do Dachshund (vulgo salsichinha) Scott, da gatinha Cristal e do agapornis Alisson. Sou amante de pets e de história, mas principalmente por pets. Desde pequena conhecida pela super paixão por cachorros.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.