O temperamento do Husky Siberiano

Vindo das geladas terras da Sibéria, o simpático husky siberiano chama a atenção de qualquer um que o encontre, graças a seu ar imponente e seus olhos azuis penetrantes. De temperamento agradável e muito extrovertido, esse cãozinho tem energia de sobra, e adora brincadeiras que exercitem sua inteligência e físico.

Husky Siberiano

A independência é um dos traços mais marcantes do husky siberiano o que torna até um pouquinho desconfiado, quando se trata de estranhos.

Personalidade

Apesar da sua cara “séria”, o husky siberiano é muito receptivo e amigável, principalmente com seus pais e irmãos humanos. Saltitante e ao mesmo tempo delicado, o husky é um pouco teimoso, reflexo de sua personalidade mais independente.

Essa característica transforma o treinamento desse amigo vindo do gelo um pouco mais desafiador, afinal ele pode relutar em aceitar seus comandos. Mas, com carinho e firmeza ele entenderá que vale a pena obedecer e terminará não só aceitando o que você diz, como será seu companheiro para toda a vida.

Criação

Com toda a disposição para brincadeiras do husky siberiano, o melhor lugar para criar seu amiguinho de quatro patas é em um local com espaço para suas atividades.

Confinado em espaços reduzidos, ele pode se entediar facilmente e decidir se divertir com qualquer coisa que encontre. Isso pode incluir seus sapatos, o sofá da sala ou o pé da mesa da cozinha.

Por isso, a melhor opção para essa raça é viver em casas com quintais amplos, onde tenham espaço para correr, pular e explorar seus instintos.

Husky

Mas, se você vive em um apartamento ou em uma casa pequena e sem quintal e sempre sonhou em ter um husky, poderá apostar em longos passeios no parque ou na praça perto de sua casa, por exemplo.

Agora, se você é uma pessoa muito ocupada, saiba que, sempre que retornar do trabalho, terá de dedicar um bom tempo ao seu novo amigo. Por gostar muito do convívio com seus humanos, o husky costuma ficar ansioso quando passa muitas horas sozinho e exige bastante atenção dos pais e irmãos quando estes retornam para casa.

Uma boa pedida é levar o animalzinho, sempre que possível, para longos passeios no parque ou na praça. O exercício fará bem tanto para você, como para ele, e os dois poderão passar horas agradáveis juntos.

Durante as noites ou em dias em que o clima não convidar para um passeio, faça jogos que estimulem a criatividade do animalzinho. Huskys gostam de ser instigados. Que tal brincar de esconde esconde com seu amigo?

Convívio com crianças

A energia e disposição do husky para as brincadeiras tornam esse cachorro uma excelente opção para o convívio com crianças. Aliás, o seu amor pelos pequenos vem desde sua criação, pois na Sibéria, país onde a raça surgiu, ele estava acostumado a viver rodeado de crianças de todas as idades.

Não tem crianças em casa? Tudo bem. O husky siberiano é um ótimo amigo também para pessoas mais velhas, pois é extremamente companheiro, permanecendo sempre ao lado de seu humano favorito, além de ser carinhoso com todos os que vivem em seu lar.

Convívio com outros animais

Tem outro amiguinho em casa e está pensando em adotar um husky, mas está preocupado em como será essa convivência? Bem, da parte do nosso amiguinho da terra do gelo, a vida poderá ser pacífica.

Porém, algumas vezes o lado travesso do husky pode falar mais alto, e ele poderá perseguir gatos e outros cães, principalmente os pequenos. Para evitar que isso aconteça e a brincadeira termine em brigas, um bom adestramento é essencial.

Filhotes

Depois de ler tudo sobre husky siberiano você ficou encantado com essa raça e começou a pensar seriamente em adotar esse amiguinho? Bem, saiba que, se sua escolha for um filhote husky siberiano, o adestramento precisará começar cedo, muito cedo.

Com ainda mais energia que os cães adultos, o pequeno husky demandará uma atenção maior de seus papais humanos. Além de orientar o cãozinho sobre os limites da casa, a dica é manter sempre seu amiguinho mentalmente ocupado. Crie desafios em que ele leve tempo resolvendo pequenos quebra-cabeças, assim o filhote de husky siberiano não terá tempo para “conhecer” seus sapatos, por exemplo.

Sobre o autor

Ana Luísa

Ana Luísa

Apaixonada por gatos, séries de comédia romântica e livros de suspense. Mãe da Lola Maria e Alice Maria, duas gatas que enchem a vida de amor e a roupa de pelos. Quando encontra algum gatinho na rua sai correndo atrás - mesmo que tenham donos. Sonha em ter um cachorro Vira Lata pra completar a família.

Deixe um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.