Labrador

Não conheço uma pessoa que não se derreta por um Labrador brincalhão. Essa raça é mais conhecida no mundo pelo seu carisma, pelo amor por nadar e pela sua ação como cão guia. Em inúmeras cidades do mundo é possível vê-los guiando pessoas com deficiência visual. Antigamente o Labrador Retriever era um cachorro de caça, mas acabou se tornando um dos principais companheiros do ser humano em menos de 100 anos de convivência intensa.

Características do labrador

Variações

Não existem variações da raça, somente variações da cor da pelagem.

Tamanho do labrador retriever

A raça tem uma altura média de 54 a 57 centímetros e o peso varia de 25 a 31kg.

Pelagem do labrador

A cor da pelagem pode ser dourada, chocolate ou preta. O pelo é curto, denso, sem ondulações e bem fechado.

Padrão da raça CBKC

No site da Confederação Brasileira de Cinofilia é possível encontrar o padrão da raça.

Temperamento do labrador

O Labrador é um cão apaixonante, carismático, obediente, inteligente e apegado ao proprietário, mas é importante mantê-lo ocupado para não deixá-lo com energia acumulada. A raça adora brincadeiras e quer estar sempre junto da família, se tornando a alegria da família.

Nível de atividade

O Labrador Retriever é uma raça predisposta à obesidade, portanto é importante a prática de atividades físicas regularmente, tanto para queima de calorias como para o fortalecimento da musculatura. Atividades lúdicas, com brinquedos, também são importantes para estimular a atividade cerebral e evitar períodos de tédio. Como citado anteriormente, em alguns Labradores, que ficam sem muita atividade física ou lúdica podem desenvolver comportamentos destrutivos, destroçando o seu tênis predileto.

Atividade de guarda

O Labrador late, avisando quando existe algum perigo para a propriedade, porém não tem uma atividade de guarda. Para cães muito bonzinhos, que é o caso da raça, existe um dito popular que diz: “Ele pode abanar o rabinho para o invasor”.

Inteligência e obediência do labrador:

A raça foi classificada na colocação 7a. no livro “The Inteligence of Dogs” de Stanley Coren. Nas graduações do livro “A Inteligência dos Cães” graduações de 1 a 10 lista-se os melhores cães de inteligência de trabalho. Após cinco tentativas, estes caninos já apresentam entendimento e não necessitam prática para repetirem comandos. Para 95% destes cães, não é preciso repetir uma ordem mais de uma vez. Sua velocidade entre o tempo de comando e o de execução também é considerada.

Cuidados com o seu labrador

Uma alimentação balanceada é recomendado, principalmente com rações super premium ou ração específica para raça labrador, onde os cachorros comem menos quantidade e tem um maior aproveitamento. Rações de boa qualidade com alta absorção e proteínas de alto valor biológico é o melhor que você pode oferecer ao seu cachorro. Confira nosso post sobre o assunto e descubra qual a melhor ração para o seu pet Siga as instruções de quantidade diária informada pelo fabricante para evitar acúmulo de peso ou obesidade canina, que é muito comum na raça labrador. Passeios, corridas, exercício físico e lúdico como falamos é importante para o bem estar e saúde do seu cachorro.

Banhos semanais ou quinzenais com shampoo especial, e lembre-se, é preciso tomar cuidado para não entrar água dentro do ouvido, pois pode causar inflamação – assista esse vídeo com dicas para dar banho no cachorro! E claro, como todo cachorro de estimação gosta de ossinhosbifinhos, biscoitos e agradinhos, mas lembre-se que os  petiscos devem ser dados de maneira moderada. Geralmente eles se adaptam rápido em fazer xixi e coco nos tapetinhos higiênicos. Eles adoram brinquedinhos, principalmente bolinhas para brincarem. Eles adoram caminhas fofinhas para tirar uma sonequinha.

A saúde do labrador

A displasia coxofemoral, que é uma má coaptação da cabeça do fêmur com o osso da bacia, é uma das doenças encontradas com frequência na raça labrador. É uma doença congênita e hereditária e tem seus sintomas agravados com o sobrepeso ou obesidade. Portanto exercícios físicos para fortalecimento da musculatura e controle de peso são ideais. Outra medida muito importante é evitar pisos escorregadios pois esses pisos prejudicam a saúde da articulação coxofemoral. Atrofia retiniana também é uma doença muito frequente na raça labrador. Recomendamos visitas anuais ao veterinário, além da ocasião das vacinações e a realização de exames complementares periódicos regularmente, após cinco anos de idade é recomendado acompanhamentos semestrais com exames complementares como exame de urina, exames para ver a função renal, exames para a função cardíaca etc. Cuidados dentários são importantes, por isso recomendamos que desde pequeno realizem a escovação diária e quando houver necessidade um tratamento periodontal (erradamente denominado de limpeza de tártaro), assim como o oferecimento de petiscos que ajudam na limpeza dentária.

Dúvidas frequentes sobre a raça labrador

Solta muito pelo

Sim, como a maioria dos cães de pelo curto, uma a duas vezes ao ano a queda se acentua e no intervalo existe uma queda pequena porém constante de pelo, escovação com rasqueadeiras ou produtos específicos contra queda de pelo como o furminator conseguimos controlar facilmente a queda de pelos. Banhos semanais com shampoo especial podem ajudar a controlar a queda de pelos. Doenças dermatológicas podem piorar a queda do pelo, portanto quando achar que tem algo diferente ou exagerado na queda dos pelos, recomendamos uma consulta ao veterinário.

Qual o clima mais adequado para o labrador?

A raça se adapta a vários ambientes, lógico que em ambientes quentes a disposição diminuí e o cachorro procura um cantinho arejado para se refrescar.

Quantos anos vive um labrador?

A raça vive em média 12 anos.

O labrador late muito

O Labrador late quando quer chamar a atenção, quando quer brincar etc. Com o tempo o proprietário já sabe o que o cachorro “quer dizer” com o latido.

Vive bem em apartamento

Sim, o Labrador vive muito bem em apartamentos, porém precisa de atividade física fora do apartamento como dissemos anteriormente. Dogs Walkers podem passear com seu labrador e ajudar na manutenção da saúde.

O labrador se dá bem com crianças

Sim, as crianças adoram o Labrador e eles adoram as crianças, gostam de estar perto, de brincar e de interagir. Adoram brincar de trazer bolinhas e fazem arte para chamar a atenção.

Qual o dono ideal para o labrador

O Labrador se adapta a maioria das pessoas, gosta de ficar junto com o ser humano, é um excelente cachorro de companhia e se adapta facilmente ao proprietário.

Como é um filhote de labrador

É a maior fofura que existe, atrapalhado e brincalhão, derrete o coração de todos da família.

Quanto custa um filhote de labrador

Encontramos no mercado filhotes entre R$ 1500,00 a R$ 3500,00.

Canis e criadores de labrador

  • Canil BRPINELAND
  • Canil ZUOS
  • Canil BR CABERNET
  • Canil BR SUMMER STORM
  • Canil LABAREDA

Fotos e imagens do Labrador

labrador  labrador

Sobre o autor

Dr. Marcio Waldman

Dr. Marcio Waldman

Medico veterinário, diretor e fundador do www.petlove.com.br. Formado em 1988 pela Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da USP e pós graduado em latu sensu em odontologia veterinária, foi secretário geral da Anclivepa SP (associação nacional de clínicos veterinários de pequenos animais) e sócio fundador do Simpavet (sindicato patronal dos médicos veterinários). Atuou como clínico veterinário de pequenos animais de 1988 a 2005 em São Paulo, e em 2005 terminou a atividade na clinica para se dedicar exclusivamente ao Pet Love.

12 Comentários

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.