Pinscher: características e curiosidades da raça

Desta vez eu vou poder falar com muito conhecimento de causa, afinal, eu já tive o privilégio de passar 16 anos ao lado de um Pinscher figuraça, e posso garantir: é um cachorro divertido, engraçado e amoroso. E se você quer saber mais sobre as características e curiosidades desse pequeno notável, não deixe de acompanhar este post até o final e também de deixar seu comentário :).

Pinscher de barriga pra cima

Curiosidades do Pinscher

Antes de falar sobre as características do Pinscher, vamos falar aquilo que pouca gente sabe. O Pinscher é de origem alemã e por lá o cachorro recebe o nome de Zwergpinscher, que quer dizer “Anão mordedor”. E para a surpresa de muitos, os cães desta raça são realmente considerados como de guarda – entendeu agora por que eles vivem em estado de alerta?

Muita gente acha que eles são descendentes do Doberman, mas na verdade, a raça é proveniente do cruzamento do Dachshund e do Greyhound. Registros mostram sua origem na Alemanha há cerca de 200 anos, enquanto pinturas e outros documentos bem mais antigos retratam cachorros muito parecidos com a raça, deixando aberta a possibilidade que eles estão dividindo o planeta com a gente há muito mais tempo do que imaginamos.

Características do Pinscher

Pequenininho, invocado, curioso e sempre ativo são adjetivos que cabem bem aos cachorros desta raça. Do ponto de vista físico, o Pinscher é robusto e compacto, com pelos curtos e lisos. Entre suas características mais marcantes estão a valentia, os latidos excessivos e o apego à família.

Na nossa página de raças, a expressão “50% ódio, 50% tremedeira” é utilizada para ilustrar o temperamento do Pinscher. A frase é bastante utilizada por quem tem ou já teve um cachorro desses em casa (como eu), mas vale lembrar que o temperamento canino é totalmente influenciado pela socialização que ele recebeu quando filhote, portanto, se você deseja um Pinscher mais “relax”, basta dedicar um tempo para ensiná-lo ainda quando bem pequenino, digo, novinho 😹.

E se tem uma coisa que eles não precisam ser ensinados é sobre como fazer a alegria da casa. Cheios de energia e disposição para brincadeiras, eles garantem boas risadas com um jeitão “elétrico” e destemido. Os convites para brincadeiras são sempre aceitos de prontidão e eles têm uma energia que é difícil acabar, mesmo quando estão na companhia de crianças.

E quando finalmente as forças se esgotam, o Pinscher mostra o lado amoroso que possui, aconchegando-se no colo humano para uma sessão de carinho. Mas fica o alerta: esse momento para o afeto pode ser interrompido a qualquer momento, já que se o Pinscher ouvir qualquer barulho suspeito, não vai pensar duas vezes antes de pular do colo e partir em retirada para conferir o que é

Gostou de conhecer as curiosidades do Pinscher? Então compartilhe este post!

Compartilhe esta matéria!

Sobre o autor

Anderson Mafra

Jornalista apaixonado por animais, comunicação, música e que não perde um concurso cultural (na verdade já perdeu vários). Curioso de mão cheia, quer saber sempre mais e compartilhar conteúdo, dicas e curiosidades do mundo pet. É um petlover assumido, sem chance de reabilitação.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.