Verão é época de pulgas?

Como se não bastasse toda a nossa preocupação relacionada às altas temperaturas, ainda temos que nos atentar com a possível presença de pulgas em nossos pets, pois com a chegada do calor, a chance deles contraírem esses parasitas aumenta consideravelmente. Sim, o verão é a época de pulgas.

O clima quente juntamente com a umidade gerada pelas chuvas típicas da estação é a fusão perfeita para aumentar a proliferação desses pequenos encrenqueiros, responsáveis por causar muita coceira e, possivelmente, problemas de pele, além de algumas outras complicações.

Verão é época de pulgas?

Cuidado redobrado durante a época de pulgas!

Até mesmo os cachorros ou gatos que não saem de casa estão à mercê das pulgas. Isso porque nós mesmos podemos carregá-las para dentro do lar. Às vezes, um cachorro que você interagiu na calçada estava infestado e algumas pulgas acabaram entrando em suas roupas ou sapatos. Ou até mesmo o gato do vizinho que vive passeando pelo seu telhado pode ser o responsável – são vários cenários.

Dessa forma, fica impossível saber de onde vieram as pulgas encontradas andando pelo corpo do seu pet, não é mesmo? Então, a melhor alternativa é a prevenção. 

Cuidados no ambiente

Um erro bastante comum entre os pais humanos é achar que a maioria das pulgas se encontra no corpo do pet. Assim, eles direcionam todas as armas no combate aos parasitas para o local parcialmente errado, já que o ambiente é o lugar onde elas se proliferam e estão em maior parte.

Se já são famosas por se multiplicarem rapidamente, no verão, a velocidade é ainda maior. Casas que possuem carpetes, jardim, tacos e tapetes que dificilmente são higienizados contribuem ainda mais para a proliferação. Portanto, é preciso redobrar a atenção à higiene do ambiente e investir nos produtos necessários para acabar com esses parasitas.

Por mais que encontre alguma pulga andando pelo corpo do seu pet, o ideal é garantir que o ambiente não seja o ideal para continuarem se proliferando.

Prevenção efetiva

Uma boa forma de evitar que a sua casa e o seu filho de quatro patas sofram durante a época de pulgas é utilizando um antipulgas oral, como o MSD Bravecto, Nexgard ou Simparic para o cão ou o Comfortis para cães e gatos e um spray para o ambiente, como o Fleegard ou o Spray Antipulgas Mypet. Produtos tópicos também podem ser utilizados, mas nunca devemos usar os produtos de ambiente no pet ou vice-versa. Algumas alternativas para a desparasitação de ambientes podem ser tóxicas para pets e humanos se não utilizados corretamente, então, antes de sair por aí medicando o seu cachorro ou gato e passando qualquer produto em sua casa, consulte um médico veterinário de sua confiança.

Sobre o autor

Gabriel Arruda

Gabriel Arruda

É Jornalista, apaixonado por pets e esportes. Está sempre em busca de novos desafios, justamente pela curiosidade que o toma conta. Pai de um Beagle chamado Johnny, mais conhecido como "o Destruidor".

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.