Amizade entre cão e coruja viraliza na web; casos deste tipo são raros e até chamam a atenção de cientistas

Não é de hoje que algumas amizades inusitadas entre animais de espécies diferentes fazem sucesso na internet. Desta vez, a relação de companheirismo entre cão e coruja é que está ganhando a atenção dos internautas.

O Pastor Alemão chamado Ingo e a coruja conhecida como Poldi já acumulam mais de dois anos de amizade e, desde então, não se separam por nada. O mais “bizarro” é que depois de conhecer Ingo, o peludo começou a se aproximar de outras aves parecidas.

Foto: Tanja Brandt

A fotógrafa Tanja Brandt, especialista em fotografar animais, é a mãe de todos esses bichinhos. As fotos feitas por ela fazem muito sucesso pela internet, e os diversos cenários onde os animais são fotografados contribui ainda mais para isso. Em entrevista para o site Bored Panda, Brandt disse que ama animais e os admira desde criança. “Eu amo a beleza, o poder, a lealdade, a coragem e a amizade dos animais. Muitas pessoas poderiam aprender com eles”, afirmou a fotógrafa.

Em rios, ruas, florestas e até na neve, Ingo e Poldi posam em diferentes paisagens, onde mostram-se grandes amigos. Confira algumas imagens: 

Foto: Tanja Brandt

Foto: Tanja Brandt

Foto: Tanja Brandt

Desde o início da era digital, diversos vídeos de duplas raras como Ingo e Poldi tornaram-se tão famosos que já até despertaram a atenção de muitos pesquisadores do mundo inteiro. Gordon Burghardt, professor da Universidade de Tennesse, nos Estados Unidos, por exemplo, vê as relações como uma forma de explorar mais afundo os relacionamentos. “Não há dúvida de que estudar estes relacionamentos pode revelar fatores que se dão em relações normais”, disse.

O sucesso destas duplas incomuns é tão grande, que até um livro de imagens sobre o assunto foi lançado. A escritora da National Geographic Jennifer Holland, criou a obra chamada “Unlikely Friendships” (Amizades Improváveis, na versão em português), na qual mostra fotografias de animais de espécies diferentes em momentos de “amizade”. Um exemplo de relação totalmente inusitada é entre um bebê macaco e uma pomba, que foram flagrados juntos por funcionários de um centro de proteção animal chinês se abraçando e dividindo alimentos. Confira a imagem:

Foto: CNImaging/Photoshot

Apesar destes episódios, lembre-se: é preciso ter cuidado com certas relações dentro do lar, principalmente a convivência entre “presa e predador”, como gato e ave, por exemplo. Para esses casos, especialistas alertam que ter esses pets dentro do mesmo ambiente não é aconselhado, pois a “presa”, de uma maneira geral, sempre terá medo do predador, independente das circunstâncias. Ou seja, mesmo estando fora do alcance, o passarinho sempre terá certo pavor do felino.

Embora existam algumas orientações sobre como ensinar o gato ou cachorro a não mexerem com os mais vulneráveis, ainda sim não eliminam o estresse causado nesses animais devido à presença do predador natural da espécie.

Sobre o autor

Gabriel Arruda

Gabriel Arruda

É estudante de Jornalismo, apaixonado por animais e esportes. Está sempre em busca de novos desafios, justamente pela curiosidade que o toma conta. Pai de um Beagle chamado Johnny, mais conhecido como "o Destruidor".

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.