Cinco raças de pastoreio que acabaram virando bons cães de companhia

O pastoreio era, nos primórdios de quando tornou-se o melhor amigo do homem, a principal função atribuída ao cão. Algumas raças foram adequadas para desenvolver as atividades no objetivo de ajudar os trabalhadores da melhor maneira possível. No pastoreio de ovelhas, cordeiros ou carneiros, o peludo era responsável por controlar o rebanho para não dispersar. Já no bovino – existem dois tipos de pastoreio -, os próprios gados formam grupos ao redor do cachorro responsável para se sentirem protegidos em relação à ataques de caçadores.

Com o passar do tempo, os cães de raças adequadas às atividades de pastoreio acabaram perdendo suas atividades. Entretanto, conquistaram ainda mais seu espaço dentro das famílias e, consequentemente, tornaram-se ótimas companhias. 

Pensando nisso, separamos cinco exemplos de Pastores que deixaram suas atividades rurais para se dedicar especialmente à família. 

Border Collie

Inteligência e obediência: essas são as principais características do Border Collie, que é conhecido mundialmente por sua ótima capacidade de raciocínio, além de sua energia inacabável.

A raça é considerada a mais inteligente do mundo, de acordo com o livro de Stanley Coren chamado “A Inteligência dos Cães”, baseado em um questionário elaborado pelo próprio autor e por juízes de provas de obediência. A obra diz que o Border mostra sinais de compreensão de comandos simples após apenas cinco repetições, além de não precisar de muita prática para manter estas ordens. Especialistas afirmam que a linhagem desenvolveu uma compreensão quase intuitiva quando realizavam suas tarefas na fazenda. 

 

Pastor de Shetland

Criado nas Ilhas Shetland, o Pastor de Shetland originalmente vivia em fazendas, onde costumava vigiar ovelhas nativas nos campos de sua região. Depois se adaptou perfeitamente a uma vida doméstica, mostrando-se um cão muito treinável, leal e companheiro. 

Assim como o Border Collie, a linhagem está entre as raças mais inteligentes do mundo canino, situando-se no sexto lugar do ranking de Stanley Coren. Mesmo sendo brilhante e talentoso, certa teimosia faz parte de seu caráter. 

 

Pastor Australiano

Ligeiros e inteligentes, o Pastor Australiano se destaca pela vontade de aprender e ser útil aos seus pais. Faz a linha de vigilante, está sempre em alerta, mas tende a latir só quando sente perigo por perto. Sua principal qualidade é a lealdade à sua família. 

Adestrar um cão da raça é uma tarefa super simples: ele demonstra grande compreensão e encara o processo de aprendizagem com agilidade , já que adora ser desafiado e posto para trabalhar.

Pastor Alemão

Além de estar no top3 dos cães mais inteligentes, atrás apenas do Border Collie e do Poodle, o Pastor Alemão mostrou-se, no decorrer da sua história, ser um cão altamente versátil. Cachorros da raça costumam trabalhar como: cães policiais, cães de guarda, cães de busca e resgate e até mesmo cão-guia para deficientes visuais, o que comprova sua multifuncionalidade. 

Ágil e talentoso, o Pastor Alemão tem o instinto de observar tudo o que se passa ao redor. Costuma naturalmente guardar a família e o lar. Embora seja amigo de todos da casa, ele costuma ter carinho especial por uma única pessoa, e depois que se apega ao “preferido”, está sempre tentando lhe agradar.

 

Boiadeiro Australiano

Também conhecido como Australian Cattle Dog ou Blue Heeler, o Boiadeiro Australiano tem tanta energia que precisa de uma válvula de escape para equilibrá-la. A prática de modalidades esportivas como Flyball e Agility é uma alternativa eficiente para isso. 

Além de inteligente, o Boiadeiro impressiona pela lealdade à família e também pela disposição para realizar atividades variadas. É super receptivo a ensinamentos novos e adora desempenhar as tarefas aprendidas. 

Sobre o autor

Gabriel Arruda

Gabriel Arruda

É estudante de Jornalismo, apaixonado por animais e esportes. Está sempre em busca de novos desafios, justamente pela curiosidade que o toma conta. Pai de um Beagle chamado Johnny, mais conhecido como "o Destruidor".

2 Comentários

    • Olá, Lindalva!!

      Todas as raças são apaixonantes, não é mesmo? Parabéns pela adoção dos seis filhotes abandonados, assim como todos os outros, eles merecem todo nosso amor e carinho.

      Abraços!!

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.