Como Fazer Cães e Gatos Viverem em Harmonia

Mesmo que os cães e gatos tenham uma relação natural de caça e caçador, é possível que eles se tornem amigos e dividam um mesmo espaço em casa, compartilhando bons momentos e se divertido juntos por toda a vida. Quem quer ter esses dois animais em casa, se possível, deve optar por acostumá-los desde pequenos juntos. Enquanto eles são filhotes, a interação entre eles é muito mais rápida e menos perigosa para ambos. Por isso, basta colocá-los no mesmo ambiente e permitir que se cheirem, evidentemente com acompanhamento do dono.

Alguns direitos reservados por Qole Pejorian

Para permitir que os animais se conheçam, evidentemente a presença do dono é imprescindível para evitar alguma briga.

Caso um dos bichinhos ou ambos já forem adultos, as coisas mudam um pouco de figura, mas com dedicação é possível fazer essa relação dar certo. Se o gatinho adulto for o primeiro a morar na casa, as coisas se tornam mais fáceis e a convivência com o cão filhote que chegou é mais rápida. Quando é o cão adulto ou sênior que já morava na casa e um gatinho filhote chega, é importante apresentá-los em um ambiente neutro do local de convivência de ambos, ou seja, fora da casa. Nesse caso, o gatinho pode ficar em uma caixinha de transporte e o cão seguro por uma guia, para que assim ambos se examinem através do cheiro e depois retornem juntos para dentro da moradia.

Na casa, o dono nunca deve deixá-los em um mesmo ambiente sem supervisão, sendo que a aproximação entre eles deve ser feita aos pouquinhos. O dono deve colocar o gato no colo e deixar o cão cheirá-lo, onde essa situação pode fazer com que as pessoas aproveitem a situação para fazer cafuné no cachorrinho. Assim o cãozinho irá entender mais facilmente que o felino agora é um membro da família e querido pelos seus donos. Isso depende bastante do comportamento do cachorro, que ao longo do tempo de convivência com o gato não tentará mais morder e o gato também não ficar bravo e arrepiado para arranhar o cão. Quando isso acontecer, a possibilidade de começar a deixá-los em casa e no mesmo ambiente é alta, mas entre os dois o cão provavelmente será o mais difícil de acostumar com a situação.

Pouco a pouco, o gato deixa de ser uma novidade para o cãozinho que vai aprendendo a conviver calmamente com o bichano. Por isso, o dono precisará ter paciência até esse dia chegar e ficar sempre alerta, principalmente quando os dois estiverem perto um do outro. Se o gatinho for filhote, o cuidado tem que ser redobrado, pois além dele ser menos experiente para fugir do cão, ele é muito mais frágil que um gato adulto se tornando uma presa fácil.

Por fim, sempre será importante que cada um tenha o seu espaço com casinha e caminha, bolinhas de brinquedo, caixa de areia, rações apropriadas para ambos entre outros. Conforme o passar do tempo, a amizade dos dois irá crescer e eles acabarão vivendo bem juntos e se tornando bons amigos.

Sobre o autor

Bruno Oliveira

7 Comentários

  • Gente preciso de ajuda amo gatos sempre tive , só q agora estou só com uma shitzu de 1 ano 8 meses e procurei um gato e achei uma ONG q está me doando dois gatos lindão de 4 meses castrados igual minha shitzu ,o problema é como o shitzu já tem os olhinhos saltados tenho medo dos dois gatos machucarem os olhinhos dela e agora oq eu faço ,sigo minha intuição ou pego p ver nq vai dar ?

  • Olá tudo bem? Tenho uma gata sem raça ja faz 2 anos, comprei uma shih tzu .. mais vou pega-la daqui uns 20 dias, gostaria de saber se tem algum risco para ambos, e se tem alguma técnica para apresentá-los. Obrigada !

  • Tenho uma shih tzu de 3 anos e gostaria de ter um gatinho pra fazer companhia pra ela, porem uma vez li q os gatos atacam os olhos dos cães com as unhas, e como a shihtzu ja tem aqueles olhos “saltados” fiquei com muito medo. Isso procede?

    • Oi Andessa, tenho uma gata e um filhote de Dálmata em casa. É verdade que os gatos usam as unha, mas nunca presenciei alguma situação onde me fizesse acreditar que ela está direcionando aos olhos. Como o temperamento de um filhote (e ainda mais de um Dálmata) é bem diferente de uma gata, ele precisa saber os limites dela, e ela faz isso através das tapadas. Eu tenho a preocupação de manter sempre as unhas aparadas e deixar arranhadores por perto, mas devo admitir que mesmo assim, aparece um machucado ou outro na cabeça dele provocados pelas unhas. Mas no geral, eles têm uma relação bem legal. Enfim, espero ter auxiliado. Abraços

    • Também tenho um shitzu e uma gatinha , ela veio pra mim quando ele já tinha 3 anos . A relação deles é muito boa, não é melhor porque ele “pertuba” demais a bichinha. Acho ela até calma, pois creio se fosse outro gato já teria machucado ele rsrsrs É o dia todo atras dela, graças a Deus ela nunca machucou o olho dele, já vi ele machucando o dela, pois ele é super bruto, ela deitadinha ele deu uma patada nela e pegou na vista. Graças a Deus nada grave mais percebi que ela ficou com a vista incomodada .

  • Na casa da minha mãe tenho um siamês muito bonzinho, criado desde filhote e hoje está com quase quatro anos. Há praticamente 3 meses, resgatei um cão vira-latas (lembra um Golden Retriever), bem levado, mas muito carinhoso,que deve ter pouco mais de um ano. Ele fica no quintal ao lado, na casa do meu pai. Ficam separados por um portão. O gato tem demonstrado mais curiosidade com o cachorro e até estar perdendo o medo, tanto que outro dia foi até o quintal onde fica o cão, mas quando esse deu conta do gato, correu atrás dele e foi uma confusão!!!
    Gostaria de saber o que fazer para eles se acostumarem e se darem bem.
    Obrigada!!

  • Na casa da minha mãe tenho um siamês muito bonzinho, criado desde filhote e hoje está com quase quatro anos. Há praticamente 3 meses, resgatei um cão vira-latas (lembra um Golden Retriever), bem levado, mas muito carinhoso,que deve ter pouco mais de um ano. Ele fica no quintal ao lado, na casa do meu pai. Ficam separados por um portão. O gato tem demonstrado mais curiosidade com o cachorro e até estar perdendo o medo, tanto que outro dia foi até o quintal onde fica o cão, mas quando esse deu conta do gato, correu atrás dele e foi uma confusão!!!
    O que posso fazer para eles se acostumarem e se darem bem?
    Obrigada!!

Deixe um comentário