Cuidados Para a Chegada de Filhotes de Hamster

Quando uma mamãe hamster está pronta para dar a luz a seus filhotes, é de extrema importância que se tomem certos cuidados para preparar este grande dia e garantir a saúde e sobrevivência dos seus frágeis bebês. Primeiramente, se o casal hamster estiver junto na mesma gaiola, devem ser separados, pois o macho pode machucar os bebês assim que eles nascerem. Alguns dias antes do parto, o dono deve limpar bem a gaiola pra depois colocar uma camada de sepilho no fundo dela. Nos cantinhos, é bom colocar umas camadas de papel higiênico para que a mamãe use-o de matéria-prima para seu ninho.

Antes do parto, é muito importante colocar a gaiola em um lugar bem tranquilo e sem barulho, além de não deixar ninguém jamais tocar a mamãe hamster durante o processo, garantindo um ambiente propicio e seguro. Quando as crias finalmente nascerem, eles serão rosados, pequenos, sem pelos e cegos. Os filhotinhos não devem ser tocados durante os primeiros quinze dias por nenhum humano, pois se ele perder a essência natural que o identifica para sua mãe, ela pode não reconhecê-lo mais e consequentemente o rejeitará. A melhor forma de cuidar de todos nessa situação é garantir que a mãe esteja bem alimentada e tenha água disponível para cuidar dos pequenos, além de procurar manter a gaiola em um ambiente de temperatura constante, evitando correntes de ar ou calor em excesso.

Alguns direitos reservados por Chupitachi

Os filhotinhos não devem ser tocados durante os primeiros quinze dias.

Nesse período, é fundamental também retirar da gaiola qualquer brinquedo, rodinha e em caso de gaiolas maiores, suas divisórias, deixando apenas os comedouros e bebedouros. Estas precauções são necessárias para evitar que os bebês não se machuquem, além de garantir que a mamãe não se exercite, gastando suas energias para cuidar da boa nutrição dos filhotes. Uma dica importante: em hipótese alguma o dono deve colocar algodão ou similares no ninho. O algodão pode ser ingerido pelos filhotes e causar sua morte por asfixia, além de que o hamster pode prender a pata nos fios do algodão e a falta de circulação faz o membro cair.

Assim que os bebês completarem duas semanas de vida, deve-se limpar a gaiola deles novamente, tomando a precaução de usar uma luva para pegar os filhotes e lembrar suas posições no ninho, colocando-os exatamente da mesma maneira que estavam junto da fêmea. Tem que ser precisamente do mesmo jeito que estavam antes, então boa sorte! Em quatro semanas, os filhotes já estarão grandes e devem ser separados entre machos e fêmeas em gaiolas diferentes para evitar que se reproduzam e briguem.

Desde que todos esses cuidados minuciosos sejam tomados, as chances de os filhotinhos crescerem saudáveis são enormes. Cuidar de hamsters bebês dá muito trabalho, portanto não o faça se não estiver realmente preparado, além de que se deve pensar muito bem antes de reproduzir esses bichinhos em casa.

Sobre o autor

Bruno Oliveira

1 Comentário

  • Comprei um casal de hamster há mais ou menos 3 semanas e não sabia que ela estava gravida . Hoje pela manhã ela pariu 4 filhotes, mas ela nāo esta querendo amamenta-los. O que eu faço? Obrigada.
    Miriam

Deixe um comentário