Fim de Ano Sem Estresse: não deixe seu cachorro sozinho na noite de Réveillon

Falta pouco tempo para terminar o ano e aposto que você já tem uma programação para a noite de Réveillon, não é mesmo?

Se viajar ou ir para a casa de algum parente ou amigo está nos seus planos, não esqueça de informar aos anfitriões que a sua família conta com um ser de quatro patas muito especial e que também vai fazer parte da comemoração de fim de ano!

Mesmo que a estadia não seja longa e você só saia de casa para dar aquela “passadinha” na casa de alguém, não deixe o seu cachorro sozinho em casa na noite de Réveillon. Em dias em que há queima de fogos, os pets tendem a ficar apavorados e, sem ninguém da família por perto, o cão pode ter sérios problemas, se envolvendo ou causando algum acidente e até sofrer abalos físicos e emocionais.

Fim de ano sem estresse

Para quem está pegando o bonde agora, a gente lembra que está no ar uma campanha da Petlove para ajudar os pets a passarem um final de ano bem tranquilo e seguro, mesmo com toda aquela barulheira causada pelos fogos. Leia nossos posts anteriores e aproveite para conferir a lista de produtos que ajudam a deixar cães e gatos mais relaxados , que ainda estão com desconto especial.

Voltando aos porquês de não deixar o seu cachorro sozinho na última noite do ano, mesmo que por algumas horas… pense em quão aflitivo será para o seu cachorro ter que lidar com uma sequência inesperada (e longa) de flashes e explosões vindos da rua e ainda por cima não ter ninguém de confiança por perto para socorrer.

Além do abalo emocional, que pode provocar crise de ansiedade, palpitação, diversos tipos de mal-estar e até convulsões, dependendo da gravidade, o seu cachorro pode se machucar ao correr pela casa desesperado em busca de um abrigo. Deixá-lo preso em um cômodo também não é nada indicado, pois isso pode aumentar a insegurança do animal que pode se ver encurralado diante de uma situação de perigo e tentar fugir a qualquer custo.

Então, caso seja necessário ir para algum lugar onde o seu cachorro não possa te fazer companhia, deixe-o aos cuidados de alguém da sua confiança ou de um profissional da área, que possa cuidar do pet com todo carinho e tomar as devidas precauções para que ele (e você) passe um Réveillon super tranquilo e dê as boas-vindas a 2021 da melhor maneira possível!

Sobre o autor

Anderson Mafra

Anderson Mafra

Jornalista apaixonado por animais, comunicação, música e não perde um concurso cultural (na verdade já perdeu vários). Curioso de mão cheia, quer saber sempre mais e compartilhar conteúdo, dicas e curiosidades do mundo pet. É um petlover assumido, sem chance de reabilitação.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.