Gatos: Higiênicos por Natureza

Gatos: higiênicos por natureza

Gatinhos são animais de estimação incríveis, são carinhosos, amáveis, companheiros, inteligentes, brincalhões e higiênicos. É da natureza do gato procurar um local afastado da sua comida e do lugar no qual dorme para fazer as necessidades e cobrir seu xixi e seu cocô. Em geral, os gatos buscam a própria caixa de areia ou o granulado sanitário, quando o dono tem esse cuidado.

Quando muito novinhos, podem demorar um pouco mais para que aprendam a fazer as necessidades na caixa de areia, mas, existe uma foma de acelerar esse processo. O dono pode molhar um pouco da areia (ou granulado higiênico) na urina do gelino e levá-lo para cheirar essa areia, em pouco tempo ele aprenderá que ali é o ponto exato de fazer suas necessidades.

É interessante deixar a caixa sanitária do gatinho em um canto da parede, assim, se virará, de costas para a parede, e observará o restante da casa, sentindo-se seguro para fazer as necessidades nesse local. É importante também escolher a areia ideal para as necessidades de cada pet. Há areias mais granuladas e outras bem finas. Ambas absorvem bem a urina e formam blocos duros, o que facilita a limpeza da caixa. Dependendo da sensibilidade das patinhas do animal, a granulação da areia precisa ser alterada. Se a primeira que você comprar não agradar o gato, troque por uma mais fininha, que provavelmente o agradará. Há também areias sanitárias com fragrâncias suaves, ajudando a minimizar o cheiro das fezes do  felino. A limpeza, feita com a pá, precisa ser diária, e, pelo menos uma vez por semana, a caixa tem que ser totalmente lavada e trocada.

São necessários, ainda, outros cuidados para uma perfeita higiene dos gatos. Eles devem, por exemplo, ser escovados diariamente, para retirar todo o pelo solto. Isso evita que o animal engula pelos ao se lamber, uma vez que os fios, se  ingeridos, podem formar bolas de pelos no estômago, fazendo mal ao pet. A escovação ajuda a diminuir e evitar essa ingestão. Mas essa não é a única vantagem, porque um gato escovado liberará menos pelos em roupas e pela casa, diminuindo assim o uso de papa pelos (rolinho para tirar os pelos do tecido), por todos os lugares. As orelhas devem ser limpas com algodão e, em alguns casos, com algum produto específico prescrito pelo médico veterinário.

A natureza do gatinho já é de ele ser muito higiênico. Caso o dono colabore, fornecendo locais adequados para que ele faça suas necessidades, com areia limpinha e escovando sempre seu pelo, certamente não terá problemas com sujeiras dentro de casa e fora de lugar. Assim, o gatinho ficará feliz e saudável e o dono, satisfeito.

Sobre o autor

Bruno Oliveira

Deixe um comentário