Humanos podem pegar pulgas de pets?

Quando vemos um cachorro ou gato se coçando sem parar, sabemos que a causa dessa agonia pode ser causada pelas tão temidas pulgas. E é aí que começa o questionamento: será que humanos podem pegar pulgas dos pets?

A resposta simples e rápida é SIM! 

Cachorro se coçando

Mas calma, não se desespere. Apesar de nós estarmos sujeitos a levarmos algumas picadinhas das pulgas, elas não vivem na pele humana, portanto, nós não somos hospedeiros desses ectoparasitas.

Isso porque existe uma inúmera variedade de espécies desses pequenos incômodos e as pulgas encontradas nos pets preferem a pele dos animais para viver.

Podem haver algumas reações alérgicas na pele humana após uma picada, levando ao inchaço, coceira e, em alguns casos, erupção. Se você tiver algum desses sinais, talvez seja necessário procurar a ajuda de um profissional de saúde.

Caso você se depare com alguns pontinhos pretos saltitantes, juntamente com uma coceira exacerbada em seus animais, é hora de procurar ajuda para acabar com as pulgas. Existem vários produtos no mercado pet que são muito efetivos contra ectoparasitas como os antipulgas tópicos, orais ou as famosas coleiras.

Lembre-se que procurar orientação de um médico veterinário é muito importante antes de utilizar qualquer antiparasitário em seu pet.

Humanos podem pegar pulgas? Aposte na prevenção 

Usar regularmente produtos preventivos contra pulgas é uma das maneiras mais eficazes de evitar infestações em seu pet, mas vale lembrar que também é preciso cuidar do ambiente, onde fica a maioria

As pulgas se multiplicam rapidamente e podem colocar seus ovos em diversos lugares, incluindo superfícies de móveis e tapetes. Esses ovos podem ficar dormentes por um longo período antes de eclodirem. Por isso, a desinfestação da casa é extremamente importante para que o animal não tenha uma nova infestação.


Para isso existem produtos como os Sprays antipulgas que são utilizados para limpeza e eliminação desses ectoparasitas e podem ser aplicados em diversos tipos de superfície.

Manter a casa limpa, trocar as roupas de cama e higienizar o local onde os pets dormem, fazem parte de uma rotina saudável que ajuda a prevenir esses incômodos em animais e humanos.

Sobre o autor

Gabriela Teixeira

Gabriela Teixeira

Estudante de medicina veterinária e mãe da Bela. Possuo formação em Biotecnologia, mas o amor por pets sempre foi maior que minha curiosidade pela ciência, tive que mudar de área e seguir meus instintos..rs..Hoje, nutro minhas paixões e sigo curiosa por tudo que se refere a tratar bem de nossos pets.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.