Cuidados Gerais com os Filhotes de Cães

Um novo membro na família acaba de chegar! Fofinho, delicado, lindo e todos se derretem por ele. A alegria gerada pelo cãozinho filhote também deve ser recíproca, portanto o dono deve tomar alguns cuidados para assegurar o bem-estar do bichinho.

Muito sensíveis e dependentes, os filhotes precisam de cuidados especiais para crescerem lindos e saudáveis. Portanto, a primeira coisa da qual eles necessitam é mamar o leite de suas mamães até os 60 dias de vida. O leite da cadela é o melhor alimento que existe para o recém-nascido e por isso, o filhotinho deve ficar com ela mamando nos dois primeiros meses de vida. Não é porque o pet está com a mãe que rações, como as premium ou super premium não possam ser oferecidas. Com apenas 25 dias de vida os filhotinhos podem comer rações úmidas ou rações secas para filhotes umedecidas com água.

Os cuidados em relação à saúde deles também são importantes. Um recém-nascido precisa ser vermifugado assim que completa duas semanas de vida, por meio de um medicamento indicado pelo médico veterinário. Para isso, várias doses serão necessárias e todos os filhotinhos da ninhada devem ser vermifugados no mesmo dia que a mãe para que assim, todos estarão livres dos vermes.

O controle de ectoparasitas, como as pulgas e carrapatos, também são muito importantes e existem alguns medicamentos em spray que podem ser usados em filhotes, desde que indicado por um médico veterinário. Os filhotinhos são muito sensíveis, e qualquer medicação errada pode intoxicá-los e até mesmo matá-los, portanto nenhuma medicação deve ser administrada sem orientação profissional.

Para proteger esses bichinhos tão frágeis de doenças a vacinação deve ser realizada, pois os protegem de várias doenças terríveis como a cinomose e a parvovirose. Nesse período os cãezinhos precisam receber a primeira dose de vacina (V10, V8 ou V11) quando completarem 45 dias de vida. A segunda dose da vacina é administrada aos 60 dias e a terceira aos 90 dias de vida, que pode ser alterado de acordo com o acompanhamento do médico veterinário.

Para se divertir com o novo amiguinho de quatro patas, o dono pode passear com o cãozinho e realizar brincadeiras com bolinhas, ossinhos, jogos interativos ou se divertir tirando fotografias ao vestir roupinhas engraçadinhas neles. Todos esses cuidados são essenciais para que o animalzinho cresça saudável e feliz para firmar laços de afeto, respeito e carinho mútuos na relação com seu dono.

Sobre o autor

Bruno Oliveira

Deixe um comentário