Motivos que fazem seu cachorro lamber ou morder as patas

Você sabe por que os cães lambem ou mordem as patas? Esse é um comportamento tão habitual, que acaba passando batido por muita gente, e a resposta para isso pode variar – e muito.

Há uma explicação bem simples para atitude canina: eles basicamente estão tentando coçar um local onde está coçando. Ainda assim, lamber ou morder as patas pode ter inúmeras explicações. Um cãozinho que está lambendo a patinha não precisa ser levado ao médico veterinário às pressas, mas os pais precisam ter bastante atenção. Caso a conduta surja repentina e intensamente por longos momentos, pode ser motivo de preocupação.

Motivos que fazem seu cachorro lamber ou morder as patas

Alergias ou doenças?

A resposta mais comum para essa questão, segundo especialistas, está diretamente ligada às doenças de pele entre os dedos que podem fazer com que um cão roa as patas – isso mesmo, alergias! Alguns pets podem mastigar as patas devido a infecções na pele causadas por desequilíbrios hormonais, intolerância a alimentos, pele seca resultante das variações climáticas, queda de hormônios de tireóide, deficiência de ácidos graxos na dieta, entre outros motivos.

Às vezes, um espinho, seixos, pulgas, carrapatos, ácaros, shampoos, condicionadores ou até substâncias químicas, como agrotóxicos e pesticidas usados em jardins, podem ser a causa da mastigação excessiva das patas. Ou seja, os pais precisam investigar quando o ato for constante. Uma unha quebrada ou até um milho pode entrar na pata do peludo e, consequentemente, causar coceira excessiva e/ ou incômodo.

Motivos que fazem seu cachorro lamber ou morder as patas

Mastigação vs Lambidas

Lamber as patas frequentemente em vez de mastigá-las pode ser uma questão comportamental, podendo sinalizar estresse, depressão, ansiedade, ócio ou até mesmo o chamado distúrbio compulsivo canino, que afeta aproximadamente 3% dos cães. Alguns especialistas dizem que o ato serve para aliviar alguma aflição, da mesma forma que algumas pessoas roem as unhas.

Além dos motivos, as consequências entre mastigar e lamber as patas também são distintas. Quando os cães lambem instintivamente suas feridas, as enzimas antibacterianas presentes na saliva ajudam a evitar infecções. Além disso, a saliva auxilia na limpeza de cortes e machucados. Por outro lado, o ato de morder as patas pode atrapalhar a barreira e as defesas normais da pele, dificultando então a cicatrização de feridas.

Ainda assim, ambos os atos não são protegidos por especialistas. Isso porque a umidade da saliva pode causar leveduras e infecções bacterianas, especialmente em cães com pelo grosso, que retém umidade, além de que o atrito repetido de uma língua áspera pode retirar a pele e ocasionar em uma dermatite úmida aguda.

O que fazer?

Seu cão está mordendo ou lambendo as patas regularmente? De bate pronto, concentre-se nos cuidados básicos de higiene e saúde do peludo, esse é um ótimo começo para, pelo menos, minimizar a coceira. Caso persista, é preciso observá-lo bem de perto para tentar decifrar a causa e, se necessário, levá-lo para uma consulta com um médico veterinário de confiança.

Sobre o autor

Gabriel Arruda

Gabriel Arruda

É estudante de Jornalismo, apaixonado por animais e esportes. Está sempre em busca de novos desafios, justamente pela curiosidade que o toma conta. Pai de um Beagle chamado Johnny, mais conhecido como "o Destruidor".

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.