Principais doenças – Bearded Collie

Cheio de energia e completamente amigável, o Bearded Collie pode ser uma companhia excelente para toda a família. A raça foi criada no século XVI na Grã-Bretanha, a princípio para pastorear os rebanhos dos camponeses locais. 

Apesar de ser considerada uma raça sem qualquer predisposição a doenças hereditárias, outras enfermidades podem aparecer eventualmente. A seguir, falaremos um pouco sobre algumas delas.

Displasia de cotovelo

Essa doença ocorre por conta de uma anomalia em uma articulação do úmero. Essa anomalia pode ocasionar, dependendo de seu estágio, em uma osteoartrose grave ou em deformidades na região. A displasia de cotovelo, assim como a displasia coxofemoral, pode ocorrer de forma hereditária ou adquirida por fatores como piso liso e escorregadio ou sobrecarga de atividades físicas.

O tratamento para essa doença consiste em análise individual e pode ser influenciado pela idade, nível de dor, peso e grau de claudicação. Dos tratamentos disponíveis, a cirurgia e a fisioterapia são os mais frequentes.

Hiperadrenocorticismo

Conhecida também como Síndrome de Cushing, essa doença ocorre pela produção ou administração excessiva de glicocorticóides no organismo. Essa alteração hormonal é bastante comum em cães acima dos 10 anos de idade, e se mostra em maior incidência em cães das raças Poodle, Dachshund, Terrier, Boxer e várias outras.

A doença é considerada grave e pode evoluir para outros fatores prejudiciais ao seu peludo. Por isso, uma rotina de visitas ao médico veterinário deve ser estabelecida. O hiperadrenocorticismo quando diagnosticado precocemente, pode evitar maiores danos à saúde e uma excelente resposta aos medicamentos.

Doenças autoimunes

As doenças autoimunes são uma falha no sistema imunológico, onde a produção de anticorpos atacam seletivamente algumas células em nosso organismo e podem desencadear algumas doenças, um exemplo é a anemia hemolítica imunomediada (AHIM). Essa doença destrói as hemácias (células do sangue) e devido ao seu curso agudo, um diagnóstico rápido fará toda a diferença no seu tratamento.

Outra doença autoimune que é bem comum entre os cães é a artrite reumatóide. Essa doença crônica sistêmica ocorre quando as células de defesa atacam diversas articulações do corpo. O ataque leva a uma inflamação generalizada conhecida como poliartrite. Quando acomete o cachorro, a doença deforma e destrói a articulação causando dor.

Por se tratarem de doenças normalmente silenciosas, a visita ao médico veterinário é essencial e indispensável. Doenças diagnosticadas precocemente possuem maior chance de cura e de excelência resposta ao tratamento.

Sobre o autor

Gabriela Azevedo

Gabriela Azevedo

Formada em design gráfico e cursando medicina veterinária, profissão que herdei paixão graças ao meu pai. Catlover e apaixonada pelos meus 6 gatinhos (Tchantcham, Drake, Josh, Marie, Maysa e Cara Preta -in memoriam- ♥) e pelos pets agregados que fazem parte da minha vida (todos os que encontro. bem doida dos bichos!).

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.