Tudo sobre o seu:

Terrier Brasileiro

Também conhecido como fox paulistinha, o terrier brasileiro é uma das poucas raças desenvolvidas em nosso país. Cheio de energia e sempre pronto para uma aventura, esse cachorro é pouco usado para caça (como seus parentes terriers), normalmente sendo encontrado como cão de companhia.

Características do seu Terrier Brasileiro

Energia
Obediência
Inteligência
Territorialista
Apego ao dono
Tendência a latir
Amizade com crianças
Amizade com outros animais
Banner - Cadastre seu pet
Perfil pet
Cadastre seu bichinho e descubra os produtos perfeitos para ele!
Pelagem
Com pelo curto e liso bem rente ao seu corpo, o terrier brasileiro pode ser bicolor ou tricolor, sendo os dourados com preto e branco os mais comuns. Os exemplares da raça não costumam soltar muito pelo, mas é indicado que sejam escovados com uma luva específica pelo menos uma vez por semana. Banhos mensais são recomendados, mas podem ser dados com maior frequência naqueles que gostam de nadar ou correr pela terra, se sujando com mais facilidade do que aqueles que vivem mais tempo dentro de casa.
O terrier brasileiro costuma ser um cachorro extremamente saudável e que não apresenta muitos problemas ao longo de sua vida. Eles, porém, podem apresentar dentição desalinhada e luxação de patela (uma espécie de anormalidade no joelho que pode causar dores e dificuldade de locomoção).
Alegre, brincalhão e super divertido, o terrier brasileiro dificilmente nega um momento de diversão com seus pais humanos ou outros animais. De modo geral, esses cães são bastante ativos e costumam se dar bem inclusive com desconhecidos. Em casa, pode ser um pouco protetor com alguns membros da família.
O terrier brasileiro é um cão inteligente, que costuma aprender truques diversos com facilidade e rapidez. Interagir com humanos é algo importante para ele, que gosta de demonstrar interesse em todas as atividades propostas. É aconselhado realizar atividades físicas e mentais diariamente para que gastem adequadamente toda a energia que possuem.
A expectativa de vida de um cachorro da raça terrier brasileiro é de 16 anos, em média.
O fox paulistinha não requer cuidados especiais além dos indicados para todos os pets: alimentação de boa qualidade, consultas anuais com o médico veterinário, vacinas e vermifugação em dia e muito amor e carinho. Eles também precisam de dedicação por parte dos pais humanos, que precisam garantir algumas horas do dia para realizar atividades com o cão para que ele se sinta satisfeito e não se mostre destruidor quando ocioso.
Acredita-se que a raça foi originada a partir de cruzamentos acidentais entre o jack russel terrier e o fox terrier que chegaram ao Brasil durante a colonização a fim de promover um controle de roedores nos navios. Alguns criadores defendem que na genética do fox paulistinha existam traços de chihuahua e pinscher.
Videos
Ainda não temos videos para esse pet