Tudo sobre o seu:

Boerboel

À primeira vista, você pode pensar que o Boerboel, grande e intimidador, seria um ótimo cão de guarda, e você estaria correto, mas essa raça é mais conhecida por ser calma, amorosa e familiar, principalmente em relação às crianças humanas. Também conhecido como Mastim da África do Sul, o Boerboel (pronuncia-se “boo-r-bull), recebe esse nome de palavras holandesas que significa “cão de fazendeiro”. Existem muitas especulações sobre quais raças foram criadas para formar o Boerboel moderno, porém sua ancestralidade exata ainda não é conhecida. Sua altura varia entre 55 e 71 centímetros, enquanto seu peso pode chegar aos 90 quilos.

Características do seu Boerboel

Energia
Obediência
Inteligência
Territorialista
Apego ao dono
Tendência a latir
Amizade com crianças
Amizade com outros animais
Banner - Cadastre seu pet
Perfil pet
Cadastre seu bichinho e descubra os produtos perfeitos para ele!

Especificações do Boerboel

Tamanho

A altura varia de
60 a 70 cm

Peso

O peso varia de
50 a 90 kg
Pelagem
Os Boerboels têm pelos curtos e eretos, lisos e brilhantes, que cobrem seus subpelos macios e densos. Eles podem ser em tons de vermelho, castanho, marrom, timbrado ou preto. Alguns têm manchas brancas, especialmente em volta do pescoço, rosto e patas, embora seja considerado um defeito se mais de 30% da pelagem for branca. Geralmente, não precisam de cuidados específicos referente à pelagem. Uma escovação semanal um banho mensal é o suficiente para deixar os pelos saudáveis e eliminar os mortos.
A raça, geralmente, é considerada muito saudável, tendo poucas doenças hereditárias conhecidas. Entretanto, existem algumas complicações às quais eles estão predispostos e podem se desenvolver ao longo de suas vidas, como displasia do quadril ou cotovelo, doenças cardíacas, complicações nas pálpebras, hiperplasia vaginal e inchaço. Caso encontre uma dessas condições em seu Boerboel, busque ajuda de um médico veterinário.
Boerboels são brincalhões, inteligentes e ansiosos para agradar. Eles são mais felizes quando recebem um trabalho, seja na fazenda, como cão de guarda ou se preparando para uma competição que em que possa mostrar sua agilidade e força. A raça ama estar com a família, principalmente com crianças. Os mesmos instintos que os tornam bons vigilantes e protetores também podem torná-los territoriais e agressivos, caso não sejam adestrados adequadamente desde filhote.
Quando se trata de treinamentos, os Boerboels tendem a ser dominantes e exigem um adestrador firme, que estabeleça limites, mas sem tanta severidade. Por isso, não são recomendados para pais de primeira viagem. A raça é extremamente inteligente e não precisa de tantas repetições para dominar o exercício, entretanto, justamente por sua característica dominante, tende a ser um pouco teimoso.
O Boerboel tem expectativa de vida entre 10 e 12 anos.
A principal necessidade do Boerboel quando se trata de cuidados é ser mental e fisicamente estimulado através de exercícios e brincadeiras, pois pode desenvolver um comportamento destrutivo e inadequado. Além disso, o atendimento regular é bastante simples. Suas unhas devem ser cortadas uma vez a cada duas semanas e os dentes devem ser escovados regularmente, claro, conforme recomendado por um médico veterinário. Suas orelhas também devem ser verificadas frequentemente, devido ao rápido acúmulo de cera, o que acontece normalmente com cães da raça.
Mesmo não tendo muitas notícias sobre sua história, acredita-se que o Boerboel se originou a partir de cruzamentos entre cães domésticos nativos Sul-africanos com raças importadas para a África do Sul por colonos holandeses, franceses e britânicos, possivelmente Mastins, Buldogues e até Dogos. Curiosamente, a raça é a única raça sul-africana conhecida até hoje, e apesar de não ter sido homologada pela Federação Cinológica Internacional (FCI), foi reconhecida recentemente pelo American Kenel Club (AKC).