Tudo sobre o seu:

Cão de Crista Chinês

Uma coisa é certa: ninguém fica indiferente ao ver um cãozinho dessa raça em sua versão (quase) sem pelos! Exótico por natureza, o Cão de Crista Chinês pode ser encontrado na versão peluda, mas é na versão mais “tosada” que ele faz mais sucesso. Bastante alegre, elegante e inteligente, é um excelente companheiro e sempre vai procurar se aconchegar no seu colo em busca de um carinho. Em casa ou nos passeios, adora pular, escalar e cavar, por isso é bom manter o ambiente protegido e usar guias quando for sair - olhos fixos nele! O baixinho de aproximadamente 30 cm se move muito rápido e é um tanto teimoso, pode ser uma tarefa dura recapturá-lo em uma tentativa de fuga.

Características do seu Cão de Crista Chinês

Energia
Obediência
Inteligência
Territorialista
Apego ao dono
Tendência a latir
Amizade com crianças
Amizade com outros animais
Banner - Cadastre seu pet
Perfil pet
Cadastre seu bichinho e descubra os produtos perfeitos para ele!

Especificações do Cão de Crista Chinês

Tamanho

A altura varia de
25 a 34 cm

Peso

O peso varia de
2 a 6 kg
Pelagem
Destaque visual do canino, a versão quase sem pelos conta somente com pelagem longa na cabeça (a famosa “crista”) e nas patas. Na outra versão (powderpuff) a subpelagem é lanosa e a pelagem é longa, fina e sedosa, que orna o cão como um véu, e não requer muitos cuidados especiais. Uma surpresa é que mesmo na versão com poucos pelos, eles costumam cair em grande quantidade e é preciso mantê-los aparados. Outra curiosidade é que o Cão de Crista Chinês tolera muito bem o calor e, ao contrário do que se imagina, não é essencial tratar sua pele lisa com cremes ou protetores solares caninos (exceto quando recomendado pelo médico veterinário), os banhos regulares costumam ser suficientes para manter a pele saudável.
De maneira geral é um cão com boa saúde, o cuidado especial fica em relação à saúde bucal, já que é comum aparecer problemas como perda de dentes na idade adulta. Além disso, os cães dessa raça têm dentes pequenos e em forma de cavilha que podem se inclinar para frente da boca e causar problemas de mastigação, por exemplo. Tolerante ao calor, o Cão de Crista Chinês quase não toleram o frio e precisam de um ambiente aquecido nos dias mais frios.
Muito apegado à família, vai te alegrar, convidar para brincar, pular no seu colo e ser sua sombra por onde você for, com uma dose de ciúmes de vez em quando. Com desconhecidos mostra-se desconfiado e precisa de um pouco de tempo até sentir-se seguro, por isso, treinamentos precoces são indicados para que ele não receba as visitas com mordidas. É considerado um cão de guarda e por instinto protegerá a casa, alertando sobre a presença de qualquer estranho. Calmo quando você estiver por perto, tende a ficar ansioso na sua ausência e aumentar a quantidade de latidos, cuide para que os tempos de solidão não sejam grandes ou ele poderá desenvolver hábitos destrutivos.
Como comentado acima, o Cão de Crista Chinês é inteligente, mas por outro lado um tanto quanto teimoso. Primeiro ganhe sua confiança e faça com que ele se apaixone por você, as respostas que você espera virão com treinamentos constantes somados ao reforço positivo e muita sensibilidade nas horas das correções. O uso de brinquedos e caixotes são altamente recomendados.
O pequenino sempre alerta vive, em média, 14 anos.
A socialização precisa começar cedo para que o cãozinho não se torne tímido ou medroso. É um cão mais caseiro e requer exercícios mínimos, porém a estimulação mental é muito importante, aposte nas mais variadas brincadeiras e em caminhadas curtas, que ajudam também na socialização.
Apesar do nome, o Cão de Crista Chinês não tem sua origem asiática e evoluiu de cães africanos ou mexicanos - não há muita certeza sobre o isso -, e foram reduzidos em tamanho pelo chineses, que os escolhiam como companhia para viagens marítimas no século XVI por sua excelente habilidade de caça. Ficaram famosos nos EUA graças à famosa strip-tease Gypsy Lee Rose, que tinha vários deles porque dizia que eles pareciam seminus.