Tudo sobre o seu:

Otterhound

O Otterhound é um cachorro inglês bastante alegre, brincalhão, agitado e dócil. E tamanha disposição para não conseguir ficar parado um minuto sequer, faz ele não ser muito recomendado para pessoas com idade avançada ou aquelas que preferem um pet mais tranquilo e de baixa intensidade. Já para quem gosta de um cão com energia inesgotável e procura um parceiro feliz e leal, vai encontrar nesta raça a sua escolha ideal.

Características do seu Otterhound

Energia
Obediência
Inteligência
Territorialista
Apego ao dono
Tendência a latir
Amizade com crianças
Amizade com outros animais
Banner - Cadastre seu pet
Perfil pet
Cadastre seu bichinho e descubra os produtos perfeitos para ele!

Especificações do Otterhound

Tamanho

A altura varia de
60 a 70 cm

Peso

O peso varia de
40 a 56 kg
Pelagem
A aparência “desgrenhada” do peludinho se deve aos pelos ásperos e grossos, que contrastam com subpelos lanosos. A raça pode ser encontrada nas mais diferentes cores, sendo mais comum a preta e tonalidades diferentes de castanho. Uma escovação semanal é recomendada para desfazer alguns emaranhados e manter a pelagem limpa e saudável.
Como você já deve ter percebido, para manter a saúde deste pet em dia é necessário que ele esteja sempre envolvido em alguma atividade. Passeios, treinamentos, desafios e brincadeiras são seus aliados para fazê-lo suar. Atenção para prevenir ou diagnosticar precocemente doenças como luxação patelar, osteocondrose e displasia coxofemoral.
O Otterhound poderia facilmente se considerado o “palhaço da turma”, tamanha docilidade e gosto pela diversão que ele tem. Uma socialização precoce faz ele se enturmar ainda mais com as crianças e outros pets, sendo um parceiro de todas as horas para eles também. O pet só perderá a alegria e pode se tornar inconveniente, caso seja deixado para “escanteio” e fique por longos períodos sozinho, se assim for, ele vai arrumar maneiras (não tão legais para você) de aproveitar o tempo, por exemplo, cavando, roendo objetos ou latindo sem parar.
Treiná-lo pode se mostrar um desafio, pois para o cão desta raça quase tudo é motivo para brincadeiras. Então, a melhor coisa a se fazer é entrar no jogo dele, com paciência, e fazer uso de uma abordagem positiva para incentivá-lo a fazer aquilo que você deseja. O grande trunfo pode (e deve) estar nas suas mãos, utilize petiscos para atrair a atenção do cachorro e o recompense depois de cada acerto. Mas nada de longas sessões, os treinamentos curtos tendem a apresentar melhores resultados.
O engraçado cachorro vive, em média, entre 10 e 12 anos.
Está raça é facilmente atraída pela comida, então melhor deixar as refeições bem protegidas para que o peludinho não caia em tentação e faça ataques surpresas a qualquer hora do dia para se saciar e acabar comendo o que não deve. O Otterhound tem excelente resistência, por isso, melhor caprichar nos exercícios para deixá-lo satisfeito, pois uma caminhada de três quilômetros, por exemplo, para ele pode não ser o suficiente.
Apesar de haver indícios que o Otterhound exista há mais de 500 anos, ainda hoje é uma raça bastante rara. Em sua origem, os cães desta raça eram treinados para afastar predadores e proteger pesqueiros.