Tudo sobre o seu:

Tosa

Criado no século XIV, no Japão, o Tosa Inu possui uma longa história como cães de luta. Pode se dizer que é o maior cachorro de origem japonesa, e as misturas responsáveis pela criação do Tosa podem comprovar isso: Shikoku-ken, Mastiffs, antigos Buldogues, Dogues e Pointers Alemães e, segundo especialistas, São Bernardo e Bull Terrier também estão nesse bolo. O objetivo do cruzamento era a constante melhoria da linhagem, com o desenvolvimento de características marcantes como a coragem e o instinto de luta.

Características do seu Tosa

Energia
Obediência
Inteligência
Territorialista
Apego ao dono
Tendência a latir
Amizade com crianças
Amizade com outros animais
Banner - Cadastre seu pet
Perfil pet
Cadastre seu bichinho e descubra os produtos perfeitos para ele!

Especificações do Tosa

Tamanho

A altura varia de
55 a 60 cm

Peso

O peso varia de
36 a 61 kg
Pelagem
A pelagem do Tosa é curta, dura e densa, e pode ser vermelha, fulva, abricó, preto e tigrado. Algumas marcas brancas no peito e nas patas também são permitidas. Seus pelos não possuem a necessidade de um tratamento especial, uma escovação semanal é suficiente para a troca de pelos mortos e remoção do excesso.
A raça costuma ser bastante saudável, mas, como todas as raças, possui alguns problemas comuns de saúde, como displasia coxofemoral e a de cotovelo, torção gástrica e algumas complicações simples nos olhos, que podem ser tratadas e prevenidas por um médico veterinário.
Audacioso, corajoso e valente: essas são as principais características do temperamento do Tosa Inu. Por ter um gênio forte, é indicado que seja adestrado desde filhote de maneira firme, e socializado com outras pessoas e animais, pois pode se tornar um cão dominante e mais independente do que já é. Apegado à família, ele adora relaxar no lar e se sentir totalmente à vontade em locais confortáveis, como sofás e camas. É bastante confiante e calmo, e costuma não querer chamar a atenção, assim como muitas raças.
O Tosa Inu não é uma raça que assimila os ensinamentos com facilidade através de punições ou força. Ele responde muito bem a reforços positivos, principalmente com elogios e guloseimas. Sendo assim, sua educação deve ser baseada na busca por colaboração, e não por sua submissão. O jeito robusto e corajoso da raça pode enganar, mas ele é muito inteligente, calmo e obediente.
A expectativa de vida da raça está entre dez e 12 anos, ficando dentro da média dos cães de grande porte.
Por ser um cão de grande porte, a raça não é indicada para ser criado em ambientes internos. Apesar disso, o Tosa precisa viver dentro de casa com a família, mas liberando o acesso ao quintal quando ele bem entender. Diferente de outros “grandalhões”, ele não precisa de uma rotina frequente de exercícios, uma caminhada média ou uma brincadeira no quintal é o necessário para mantê-lo saudável fisicamente.
Infelizmente, ainda é comum encontrar Tosas envolvidos em rinhas caninas em todo o mundo. Por isso, a raça é proibida ou banida em alguns países, como Reino Unido, Dinamarca, Austrália, Islândia, Israel, Noruega, Singapura, Malta, Turquia, Nova Zelândia e Malásia, sendo que o governo deste último citado preserva a proibição da linhagem em seu território afirmando que esta é uma medida para diminuir o crescente número de rinhas que os envolviam.