Tudo sobre o seu:

Cane Corso

Grande, imponente e bastante forte, o cane corso (também conhecido como mastim italiano) costuma ser usado como cão de guarda. Seus parentes mais próximos eram caçadores de javali e cães de combate, além de guardas de regiões rurais e gado, por isso sua aparência imponente que promete colocar medo em muita gente. A raça quase entrou em extinção na década de 1970, mas alguns criadores de cane corso conseguiram reverter essa situação. Hoje, este cachorro é mais popular em outros países do que na própria Itália, sendo comum para guarda de grandes residências em diferentes países.

Características do seu Cane Corso

Energia
Obediência
Inteligência
Territorialista
Apego ao dono
Tendência a latir
Amizade com crianças
Amizade com outros animais
Banner - Cadastre seu pet
Perfil pet
Cadastre seu bichinho e descubra os produtos perfeitos para ele!
Pelagem
O cane corso tem um pelo bem curto e que quase não cai. Escovações semanais são ideais para tirar os pelos mortos e manter sua pelagem brilhante. Este cão costuma ter uma cor azulada, mas também é aceito em preto e variações de tigrado. Alguns exemplares são mais enrugados em determinadas regiões do corpo, sendo preciso um cuidado especial com essas áreas. Sua baba excessiva pode manchar seus pelos, sendo necessárias limpezas diárias com um pano seco ou lenço umedecido especialmente para pets.
O cane corso, de modo geral, é um cachorro bastante saudável, mas possui tendência genética à displasia coxofemoral (espécie de encaixe errado das articulações do quadril) e displasia de cotovelo - condições que causam dores, desconfortos e problemas de locomoção; por ser um cachorro grande e pesado, essa condição tende a se agravar com o tempo, muita vezes sendo indicada uma intervenção cirúrgica para ao menos minimizar as dores. Ectrópio e entrópio (condições que afetam as pálpebras do cão) também são comuns à raça. Ambas condições afetam a visão do pet, podendo resultar em úlceras graves de córnea com o tempo devido aos problemas na pálpebras comumente resultarem em um contato anormal dos cílios com os olhos em si.
O cane corso é um cachorro muito atento e vigilante. Ele não costuma ser nada amistoso com estranhos e nem muito chegado a outros animais, podendo viver perfeitamente como "filho único". É imprescindível que seu pet seja socializado desde muito jovem, a menos que ele seja usado para guarda. Neste caso, o ideal é procurar um adestrador competente para ajudar em seus treinamentos e lhe ensinar o que é esperado dele. O cane corso não costuma latir demais, mas sempre que julga estar diante de uma ameaça, não hesita em agir. Eles são cães muito fortes, por isso, até mesmo nas brincadeiras com seus pais humanos podem machucar. Como algumas linhagens têm bastante proximidade com os cães caçadores de javalis, eles podem se mostrar perseguidores natos se não socializados com grandes animais quando filhotes. Se quiser manter um cão da raça em um sítio, por exemplo, o ideal é que ele seja apresentado ao local e aos demais habitantes ainda quando bem jovens para que se acostume com eles e não os veja como presas e/ ou ameaças.
O cane corso é fácil de ser adestrado, pois é muito obediente. Ao mesmo tempo, ele pode se mostrar teimoso quando estiver focado demais em algo. Evite incentivar seu cane corso a perseguir pessoas ou outros animais. Por ser um cão poderoso, até mesmo quando em tom de brincadeira, algo do tipo pode acabar mal. Costumam ser cães reservados, mas que respondem bem para aqueles que possuem uma certa ligação afetiva.
Por ser um pet de porte gigante, a expectativa de vida de um cachorro da raça cane corso é de aproximadamente 12 anos.
O cane corso não requer cuidados muito especiais, mas é preciso conversar com o criador do seu filhote para saber sobre sua hereditariedade e conhecer se existe a possibilidade do seu filhote ter displasias ou problemas oculares. Um cão desta raça deve viver em um local com bastante espaçoso, onde possa se exercitar diariamente. Passeios são mais do que necessários não somente por seu tamanho/ porte, mas também para que o pet se comporte bem diante de outras pessoas e animais de diferentes espécies. O fortalecimento muscular também é essencial para sua boa saúde. Evite que seu cane corso ganhe muito peso, mas converse com um médico veterinário para que possa saber o peso ideal do seu filho de quatro patas.
Em alguns países, ainda é realizado o corte das orelhas do cane corso. No Brasil, porém, esta prática é proibida. O cane corso é uma raça bastante valorizada para guarda de fazendas, afugentando outros animais e pessoas com más intenções. Por ser bastante pesado, ele não consegue correr por muito tempo, mas quando determinado, dificilmente alguém escapará de um exemplar da raça. Chamado por muitos criadores de "guardião inteligente", especialistas defendem que eles possuem um comportamento normalmente bastante previsível, não oferecendo risco à família, mas sempre atento aos desconhecidos.
Videos
Ainda não temos videos para esse pet